Surface Phone previsto para o segundo semestre de 2016

0

Embora tenhamos vistos muitas pessoas usando os smartphones da linha Lumia, os números mostram que a Microsoft não conseguiu obter grande sucesso com esses dispositivos até agora, contudo, os novos flagships mantém as expectativas altas e, portanto, podem mudar esse cenário. Não estamos falando somente dos Lumias 950 e 950XL, estamos falando do próximo flagship e ele será o Surface Phone ou “Panos Phone”, que é como ele tem sido apelidado internamente na MS, em referência a Panos Panay, novo chefe da divisão de dispositivos da Microsoft e responsável pelo tablet Surface desde sua primeira versão.

Conceito de um Surface Phone

Conceito de um Surface Phone

Vamos esclarecer algumas coisas… A Microsoft cancelou aquele dispositivo que a Intel estava envolvida no desenvolvimento, e de acordo com as fontes do artigo que embasa essa postagem, o codinome desse projeto antigo era Juggernaut, mas, ele foi cancelado e não interessa ficar falando dele.

De acordo com um novo relato do Windows Central, a Microsoft está trabalhando em um novo dispositivo que aparentemente é conhecido internamente como o “Panos’ Phone”. Assim como o projeto Juggernaut, a Intel também pode estar envolvida nesse projeto também, entretanto, ainda não ficou claro se esse aparelho será capaz de rodar o Windows 32 bits ou não.

O site Windows Central ainda comentou que o Surface Phone está previsto para ser lançado no segundo semestre de 2016, e as especulações não param por aí… Curiosamente a chegada do Surface Phone está exatamente relacionada com a liberação da atualização do Windows 10 Redstone, cuja chegada é esperada em dois updates (por volta de julho/agosto de 2016). Para quem ainda não sabe, essa atualização apresentará novos recursos como o Sem As Mãos da Apple, extensões de suporte ao Edge, Microsoft Passport e mais.

Por enquanto é tudo o que sabemos! Vamos aguardar!

Fonte: Windows Power Use

Share.

About Author

Leitor assíduo de blogs de tecnologia; Entusiasta do Windows Phone; Fonoaudiólogo 40 horas por semana;