Notícias

Aplicativos Win32 terão suporte garantido no Windows Core OS

As discussões a cerca do Windows Core OS ainda são confusas e cheias de informações desencontradas. O principal motivo para isso é que nem a própria Microsoft tem falado muito nele ultimamente, ficando a maioria das informações sobre essa “nova” geração do Windows no universo dos rumores.

Mas, por ironia do destino, hoje (07) tivemos a confirmação de uma informação que estava no centro de algumas dessas discussões. A resposta para a seguinte pergunta foi encontrada: “O Windows Core OS suportará os aplicativos legados win32?

A resposta é sim! Ela chegou por meio de uma postagem na rede social profissional Linkedin, na qual o engenheiro sênior da Microsoft lotado em Washington, Justin Jenningsescreveu no espaço dedicado a suas experiências como Engenheiro de Software nível II dentro da empresa o seguinte:

Vejam que na primeira linha ele escreveu: “Compatibilidade de Apps Win32 com contêiners de sistemas operacionais baseados no OneCore”. Ou seja, haverá sim o suporte.

A título de conhecimento, um módulo OneCore inclui o kernel, rede, gerenciamento de energia, segurança, autenticação, criptografia, gerenciamento de dispositivos, armazenamento e um punhado de outros componentes essenciais. Dessa maneira, a execução de um aplicativo Win32 em um contêiner desse tipo impediria que um aplicativo mal-intencionado provocasse um colapso em todo o sistema operacional ou infectasse outro aplicativo ou o sistema básico, então, além de compatíveis com a novíssima geração do Windows, eles ainda serão seguros. 

Resultado de imagem para win32 Apps for windows

Impossível não olhar também para a última frase de sua experiência, onde ele fala sobre a refatoração de componentes do Windows para oferecer suporte à próxima geração de produtos Microsoft. Para ficar melhor entendido, Refatoração (do inglês Refactoring) é o processo de modificação de um sistema de software para melhorar a estrutura interna do código sem alterar seu comportamento externo. O uso desta técnica aprimora a concepção (design) de um software e evita a deterioração tão comum durante o ciclo de vida de um código.

Ou seja, a Microsoft tem trabalhado duro para evoluir o Windows, mas sem deixar seus clientes mais antigos e donos de hardwares igualmente antigos na mão. Ainda podemos extrair mais um pouco dessa parte… que é sobre a próxima geração de produtos Microsoft, ou seja, tem coisa nova chegando em breve.

Agora que fornecemos essas informações, queremos deixar uma nova pergunta: “Qual o sentido desse suporte se a ideia era promover a todo custo o Windows 10 Modo S que só pode baixar Apps da Microsoft Store?” Será que o Projeto para converter App win22 em UWPs ou PWAs vai voltar a ser o centro das atenções?

Fonte > MSPoweruser e linkedin

Alexandre Lima
Especialista em Ensino das Ciências e Matemática, Microsoft MVP - Windows Insider, músico, marido, pai, servo do Deus vivo e entusiasta dos produtos e serviços Microsoft. Carpe Diem!