Notícias

Apple deixa Microsoft para trás e atinge valor de mercado de U$ 1 trilhão

A Apple deixou para trás a Microsoft, Amazon, Nestlé, Coca Cola, Alphabet e todas as gigantes multinacionais e se tornou a primeira empresa do mundo a atingir o valor de mercado de US $ 1 trilhão. Isso aconteceu depois do preço unitário de suas ações ter ultrapassado o valor de US $ 207,04. 

Atrelado a isso vemos um balanço mais do que positivo da empresa ao registrar um lucro de mais de US $ 53 bilhões em seu último trimestre fiscal.

O carro chefe dessa conquista já é conhecido de todos… o iPhone. O smartphone mais vendido do mundo é altamente lucrativo para a companhia desde o seu lançamento ainda na era do inesquecível Steve Jobs. Ele sempre foi caro e ainda atende a um mercado de nicho que sequer o chama de smartphone. Quem nunca ouvir um dono de um iPhone falar “Porque meu iPhone… ” e não “porque meu telefone/smartphone…”?

Um dado interessante sobre o iOS,  sistema operacional proprietário da Apple e que é embarcado no iPhone e no iPad, é que dispositivos equipados com o iOS vendem bem menos que os equipados com o Android do Google, porém, mesmo assim eles são bem mais lucrativos.

Quem sabe a partilha dos Royalties em torno do Android é tamanha que quase não sobra nada para nenhum dos envolvidos (Google, OEMs, Operadoras, etc). Sabe quem ganha muito com a venda de dispositivos Android? A Microsoft, já que ela é dona de muitas patentes que são essenciais e indispensáveis para o funcionamento do Android.

Além do iPhone, a Apple deve e muito aos Apple Fãs, entusiastas e evangelistas da empresa que pregam aos quatro ventos que não existem produtos melhores que os da maça e ajudam a manter a marca no status de “cara e boa”. Inclusive, não poderíamos esquecer de outros produtos super lucrativos, como o iPad, o MacBook e o iMac, sem falar nos serviços em Nuvem da empresa, com o iCloud, o Appls Music e a próprio App Store.

Enfim, ninguém vai vir aqui e tirar o mérito da Apple por ela ter alcançado uma meta tão incrível como essa, muito pelo contrário, queremos incentivar empresas como Microsoft e Google a usarem de um bom Benchmarks para reproduzir o que a Apple faz de melhor, como por exemplo, qualidade dos seus produtos, um excelente pós-venda e foco no bem estar dos seus clientes e produtos, então, parabéns a Apple.

Vale notar que do lado da Microsoft já começamos a ver coisas assim sendo aplicadas na prática, por exemplo, na linha Surface, que tem conquistado fãs por onde passa, seja pela sua bela construção, seja pelas inovações embarcadas, seja pelo excelente pós-venda. Esperamos que o Google e outras empresas corram atrás do prejuízo e gastem ainda mais dinheiro com P&D, o que acarretará mais e mais novidades para todos nós.

Fonte: CNN

Alexandre Lima
Microsoft MVP Windows Insider, músico, marido, pai, servo do Deus vivo e entusiasta dos produtos e serviços Microsoft. Carpe Diem!