Atualizações do Windows 10 Mobile ainda dependem das operadoras para serem liberadas?

0

Não tem muito tempo que falamos sobre a informação de que o Windows 10 Mobile colocaria um fim na dependência da liberação por parte das operadoras para que os telefones pudessem ser atualizados mais rapidamente.  pois bem, nós e um zilhão de sites erramos.

Windows 10 mobile redstone 2

Tudo continua da mesma forma e, infelizmente, se o seu Lumia ou outro smartphone com Windows foi comprado com vínculo com alguma operadora, mesmo tendo sido comprado já desbloqueado, as atualizações do software podem demorar muito mais a chegar para você do que para quem tem um aparelho chamado de “Country Variant” ou “Sem vínculos com operadoras”.

Isso pôde ser novamente confirmado agora com a liberação da atualização de aniversário do Windows 10 Mobile (Redstone 1) que começou a chegar para alguns no último dia 16. Pensava-se que depois do primeiro update para o Windows 10 Mobile que aconteceu em fevereiro, os próximos seriam liberados sem a necessidade da aprovação das operadoras, mas isso não está ocorrendo e pelo visto não ocorrerá tão cedo.

O que acontece é que como já explicamos antes, as operadoras precisam aprovar novas atualizações porque esses aparelhos possuem bloatware’s próprios delas, e o software precisa passar por supervisão antes de ir para os servidores e ficarem disponíveis para download. Essa verificação é que causa a demora.

As fabricantes também podem interferir nesse processo e podem decidir não liberar uma nova versão do software para seus modelos, mas raramente o fazem, mesmo assim temos alguns exemplos, como fez a HTC com o 8S, um lindo smartphone com Windows Phone 8 que foi barrado pela fabricante para receber o Windows Phone 8.1. Na ocasião apenas o top HTC 8X recebeu, porém, posteriormente ele também não pode ser atualizado para além do Windows Phone 8.1 Update 1.

HTC 8S. Lindo modelo que nunca chegou ao Brasil

HTC 8S. Lindo modelo que nunca chegou ao Brasil e que também não passou do Windows Phone 8

Muitos podem perguntar: como a Apple consegue a proeza de atualizar todos os seus iPhones de uma só vez e sem essa “onda” com as operadoras? Bem, isso seria assunto para um post gigante, mas em suma, os contratos da Apple com as operadoras são diferente e, além disso, infelizmente no mundo inteiro a frase “iPhone é iPhone” é muito válida, e qualquer operadora que sabe como lucrar com iPhones, sabe que é preciso liberar as atualizações em sintonia com a Apple. Mas, saiba de uma coisa, mesmo o iOS do iPhone passa por verificações prévias nas operadoras. A diferença está na velocidade e no tratamento que é dado ao sistema da Apple frente aos demais, como ao Android e ao Windows Phone.

Operadoras brasil

Quem tem um aparelho com Android também sofre muito com isso, especialmente por além de ter que lidar com o filtro da operadora, centenas de fabricantes adicionam personalizações ao Android. Essas personalizações próprias prejudicam ainda mais possíveis intervenções de updates futuros, e por isso existe uma enorme fragmentação do S.O. da Google. Também é por isso que muitos telefone com Android ficam desatualizados rapidamente, e também é por isso que os Nexus da vida são atualizados mais rapidamente e por mais tempo, porque eles usam a versão padrão/pura do sistema. Vale acrescentar que a versão pura do Android não conta com inúmeras funções de aparelhos personalizados, especialmente quando falamos de devices da Samsung, LG, etc, então, nem sempre um Nexus é a melhor opção de compra.

Essa questão da fragmentação também acontece com o Windows Phone/Windows 10 Mobile, contudo, numa escala bem menor se comparada com o Android, isso porque a Microsoft quase não permite personalizações no seu sistema, especialmente na UI, mas elas existem pelo simples fato de que existem muitas fabricantes diferentes que usam componentes diferentes, que requerem firmwares diferentes, e isso implica em mais trabalho para uma liberação de update. Aqui o iOS do iPhone tem mais uma vantagem, tendo em vista que o hardware do iPhone é único, e é feito pela própria Apple, sem OEM’s espalhadas pelo mundo.

Então, neste momento a dica é baixar o APP  Supervisor de Atualização do Windows 10, caso você ainda esteja no Windows Phone 8.1 e queira ir para o Windows 10 Mobile. Se já estiver usando a build 10586 do Windows 10 Mobile e quer ir para a Redstone 1 liberada recentemente (build 14393.XX), tenha um pouco de paciência e vá até as Configurações > Atualização e Segurança > Atualização do Telefone > Verificar atualizações.

Aqui os aparelhos compatíveis com esse update:

Lumia 1520, 950 XL, 950, 930, 830, 730, 735, 650, 640 XL, 640, 550, 535, 532, 540, 635 com 1GB de RAM, 636 com 1GB de RAM, 638 com 1GB de RAM, 430, 435, BLU Win HD w510u, BLU Win HD LTE x150q, MCJ Madosma Q501

Share.

About Author

Especialista em Ensino das Ciências e Matemática, Microsoft MVP - Windows Insider, músico, marido, pai, servo do Deus vivo e entusiasta dos produtos e serviços Microsoft. Carpe Diem!