CEO da Cyanogen diz que a Samsung irá sucumbir assim como aconteceu com a Nokia e mais…

59

Em uma entrevista no mínimo polêmica, o CEO da Cyanogen Kirk McMaster, disse ao Business Insider que podemos esperar que num futuro próximo a Samsung tenha um fim parecido com o da Nokia, ao menos com relação ao mercado mobile.

Cyanogen contra windows android ios

Para quem não conhece, a Cyanogen é a empresa responsável pela CyanogenMod, que é a ROM customizada mais popular no mundo Android. Ela foi criada por Steve Kondik – recentemente contratado pela Samsung em virtude do sucesso de suas versões do Android. Ela oferece uma customização diferente e por vezes mais eficiente que as versões implementadas pelos OEMs do Android. Como o próprio McMaster diz: a CyanogenMod oferece mais opções de customização do sistema sem penalizar o desempenho do mesmo.

Ele teceu tal comentário baseado em alguns fatos e argumentos. O primeiro deles é que McMaster prometeu que muito em breve sua empresa lançará uma versão de código totalmente aberto. Atualmente a versão mais nova da CyanogenMod ainda tem diversos vínculos com a versão do Android da Google, tanto que ela tem acesso a Google Play e demais serviços da gigante das buscas nativamente no sistema. No futuro, com a abertura total do código, essas permissões devem ser retidas pela própria Google, e a ROM passará a ser um sistema completo e de código totalmente aberto, como o Linux.

Open Source

Depois ele argumentou que no futuro a vitória no mercado mobile será justamente de softwares de código aberto, quando afirmou: “Para ser honesto, acho que é a plataforma aberta que vai ganhar. Essa noção de uma plataforma de computação aberta que vai capturar os corações e mentes é onde a inovação vai ocorrer”. Ao fazer tal afirmação ele deu uma sentença de exílio a softwares como o iOS, o Windows Phone e até mesmo a versão do Android da Google, que nem é de código aberto propriamente dito.

Ele ainda foi mais longe ao afirmar que no futuro a produção de hardware de smartphones e celulares será descentralizada, e que fabricantes locais irão minar o crescimento de grandes fabricantes, tal como a Samsung. Ele disse: “… assim como aconteceu no mercado de softwares, com milhares de pequenas desenvolvedoras, agora a descentralização vai acontecer no formato de hardware […] Vemos empresas locais crescendo nos mercados. Elas entendem de marketing e distribuição melhor do que qualquer gigante que tenta mudar para a região. Elas sabem o que é preciso para influenciar a dinâmica do mercado…”. Somando todos os seus argumentos e previsões, sim! Podemos acreditar que esse seria o fim para a Samsung nesse segmento, e também da Microsoft, já que estamos falando não só de produtoras de hardware, mas também de softwares proprietários.

Todos os seus argumentos têm fundamento, tanto que recentemente eles fecharam uma parceria com a Qualcomm visando a produção de novos hardwares que seriam equipados com o software da empresa, o que cortaria mais um custo de produção, assim como outros pós-produção, como alguns royalties. Para quem duvida que isso é possível basta olha para o smartphone One Plus, que é vendido pela própria fabricante e é equipado com a CyanogenMod de fábrica. Tem também o exemplo da “pequena” gigante que vem crescendo na China fazendo praticamente o mesmo, que é a Xiaomi, que começará inclusive a atuar no Brasil ainda este ano.

O One Plus vem equipado com uma versão do Android criada pela Cyanogen

O One Plus vem equipado com uma versão do Android criada pela Cyanogen

Além disso, já sabemos que a Cyanogen até ganhou uma visita do CEO da Microsoft, Satya Nadella, no ano passado, e que informações já confirmaram que a Microsoft também está investindo na Cyanogen.

Ainda é muito cedo para entender e explicar esse cenário de uma forma límpida e objetiva, porém, se McMaster estiver certo, o futuro do mercado mobile é muito mais incerto do que qualquer um poderia imaginar, e isso explicaria o porquê da Microsoft estar investindo tanto dinheiro, tempo e dedicação no Windows 10, com o qual eles terão seu próprio “ecossistema” operacional e de hardware, mas sem deixar de ganhar dinheiro com softwares de código aberto, como ela faz atualmente com o Android da Google.

Fontes: Olhar Digital e Gizmodo

Share.

About Author

Especialista em Ensino das Ciências e Matemática, Microsoft MVP – Windows Insider, músico, marido, pai, servo do Deus vivo e entusiasta dos produtos e serviços Microsoft. Carpe Diem!

  • Davi Ferreira dos Santos

    Escuto falar sobre software livre é o futuro a anos…

    a MS também escuta isso…

    Lembrando que a MS é uma das maiores financiadoras do Linux
    Por isso também investiu no cyanogen… vamos dizer que ela aprende com a Cyanogen, é uma troca de favores certeza absoluta.

    Samsung virar Nokia? só se ela dormir e muito no ponto… e eu acho que isso não irá acontecer tão cedo!

    • Frávio Cardoso

      tb acho tudo isso balela… Apple, Microsoft, Google, IBM ainda são gigantes…. Qual empresa que tenha condições de pagar um Oracle, um SQL Server, um DB2 aposta todas as suas fichas em um MySQL? Postgree? Firebird (eca)?
      É cada um no seu quadrado….

  • Pregador

    A visão é completamente o contrario! ele que se vender para a MS, o futuro é o mercado mobile.

  • Gohanks Yan

    Um sistema open source só irá fazer sucesso, se o mesmo gerar algum tipo de lucro, pois trará mais dinheiro para que a empresa possa contratar os melhores engenheiros de software e seguir inovando junto as empresas.

    O Android faz sucesso por causa disso, tem a google que gera receitas com publicidades e a google play, faz a base do sistema com os melhores engenheiros e as fabricantes alteram ao seu modo.

    O android teria algo como sub-distros, tornando o sistema ultra-ramaficado, uma vez que o sistema já vem de um linux (Wikipédia), a google modifica tornando o AOSP, as fabricantes por sua vez modificam a modificação, tornando uma bagunça e eventuais problemas de desempenho.

    Já o Ubuntu também é um sistema de código aberto da empresa Canonical com distro única, uma vez que a nova versão é somente gerada a partir de um consenso da comunidade e dos desenvolvedores da empresa, uma vez que a empresa vale apenas 30 milhões e é pequena, não possui os melhores desenvolvedores, carecendo de investimentos bilhonários, uma vez que o sistema não possui fins financeiros, apenas através de doações.

    • Matheus Felipe

      “melhores engenheiros e as fabricantes alteram ao seu modo.”

      Você diz aquela TouchWiz, que reza a lenda, que usa Código do Android 2.3 reciclado até hoje, e que roda mal até em um GN4?

  • Luan Borges

    O cara é dono da empresa e diz que o modelo das suas concorrentes tá ruindo. Mas o Google tá aí faturando cada vez mais, a Microsoft crescendo em diversos setores e a Apple a cada ano que passa quebra mais recordes de marca mais valiosa. Tem que ter discernimento…

    • Daniel Rocha

      Quando mandaram a Nokia abrir o olho, ela era a maior no segmento, e agora foi vendida por um troco. Eu acho provável que Apple e Samsung não escapam, então em situações boas, e não buscam por coisas que revolucionem o mercado, Apple e Samsung sempre lançando a mesma coisa todo ano, fazendo as coisas pelo cú, chamam de inovadoras, mas estão caindo cada vez mais no conceito. Acho que o Futuro é da MS, Asus, Cyanogen e outras medias/pequenas que vem crescendo.

  • leleskt2

    Esse cara ta falando asneiras
    Onde ja se viu sentenciar sistemas
    consolidados no mercado somente por não terem código aberto

    • Rodrigo Lage

      Concordo.

  • Jack Silsan

    Discurso de quem está se preparando pra lançar o próprio OS como uma alternativa e não apenas um desdobramento do Android http://androidmais.com/cyanogen-declara-guerra-ao-google-e-lanara-loja-de-apps-propria/ Ano que vem o CyanogenMod terá uma loja de apps própria

  • André Gualberto

    Agora eu fiquei com muito medo ????! Vou ali no camelô vender meu lumia agora! Passo meu 830 por R$ 9,99.

    • Jack Silsan

      Comprado!

    • Wallace

      Tá usando crack cara? kkkkk zueira.

  • Rodrigo Lage

    Uhum, falaram isso no Windows para computador… Esta coisa de código aberto é uma balela, e o mais incrível que em 2014 todo sistema que possui Kernel Linux, um código aberto tinha mais falhas em segurança que o próprio Windows.

    • Andriw

      Você começou tão bem seu comentário. Tinha que zuar no final??

    • Matheus De Sousa Bernardo

      Caralho! Tu leu o que tu escreveu?

      • Michael Martins

        o que ele escreveu está certo ..

      • Michael Martins
        • Wallace

          Também vi isso e até salvei aqui na minha barra de favoritos pra calar algum fanboy chato por ai.

          • Rodrigo Lage

            O povo esquece de um pequeno detalhe Wallace, como disse um especialista do ramo da tecnologia, como o Windows sofre anos e anos ataques de hackers e vírus, a Microsoft é obrigada o tempo todo criando soluções para proteger o sistema dela, e a cada atualização, ele fica mais seguro e com menos falhas, o Windows 8 possui poucas falhas, enquanto o Linux passou o tempo todo sendo considerado o superior, não pega vírus, é perfeito e deu no que deu.

          • Wallace

            Ano passado não me lembro em que mês, publicaram uma falha muito grave no Linux que eu até fiquei impressionado. Confesso que também tinha essa visão de o Linux ser o mais seguro, mas como eu sou um usuário avançado e sei me cuidar bem eu sempre utilizei o Windows por questões de maior variedade de programas e melhor adaptação ao sistema. (o problema é que minha mãe usa meu PC :S)

    • Matheus Felipe

      Unix é lider de segurança invicto por mais de 40 anos.

      MS usa Linux nos servers do Skype.

      Meu cunhado trabalha na fiat e usam Solaris nos servidores… Por que diabos todas as empresas, até a NSA usam Linux-Unix nos servidores?

      Até a NASA estava com um projeto de enviar smartphones Android para o espaço.

      Just Google IT.

  • Pingback: CEO da Cyanogen diz que a Samsung irá sucumbir assim como aconteceu com a Nokia e mais… - Peguei do()

  • Marcelo

    Essa historia de software livre “ganhar” vem desde o Linux pra desktop… E por mais que essa liberdade seja “linda” não funciona com o usuário comum….
    No final o que funciona mesmo é marketing.. Coisa que software livre não tem como competir com as gigantes… Por isso que o iPhone é o que é e a Samsung se destacou mesmo tendo o mesmo SO que os outros fabricantes que usam Android

    • Matheus De Sousa Bernardo

      MacOSX é baseado no Kernel do BSD que é puta estável e funcional.

  • Jaime Vieira Junior

    Essa conversa de código aberto dominar o mundo existe desde que o Linux surgiu, e apesar do Android ser baseado nele, o Linux em si como sistema usado pelo grande público nunca deslanchou. Eu não tenho mais paciência em ler esse tipo de reportagem.

    • Andriw

      Os faraós já enchiam o saco ????com código aberto.

    • Michael Martins

      pois é, desde que eu me entendo por gente, o linux não saiu dos 1,6 % como sistema mais usado no mundo hahaha

      • Guilhermo

        Usuário de Windows Phone tirando sarro do marketshare alheio. Chega de internet por hoje. Boa noite.

        • Eliaquim Guedes Crispim

          Sad but true.

    • mOita

      Esta frase sua não me fez sentido. Seria o mesmo que dizer “Esta conversa de Nutella ser bom existe desde que ela surgiu e, apesar de ser um sucesso mundial, a Nutella em si como creme de avelã comida pelo grande público nunca deslanchou.”

      • Igor

        Me diga: além do Android, quantos sistemas operacionais de código aberto você conhece que são sucessos mundiais?

        Aliás, qual Android faz sucesso sem ter os serviços da Google? E quanto aberto o Android é?

        • Matheus Felipe

          Quando a versão final é lançada a Google sempre disponibiliza o código fonte(kernel) no site da AOSP. Mas parte do código é licenciado pela Apache, e esse é fechado.

      • Jaime Vieira Junior

        Você entendeu muito bem o que eu disse. O Linux em sua versão para desktop nunca foi pra frente, apenas é usado por um nicho muito limitado do mercado. O Android de sucesso porque a grande maioria dos usuários usa uma versão fechada do sistema, ele é aberto para que as empresas façam modificações e são essas versões fechadas que atingem o grande público.

        • mOita

          Não, eu não entendi muito bem o que você havia dito porque você se contradisse.

  • Quanta bobagem.

  • Isaias Freitas

    Mais facil as gigantes comprar as e acabar com elas.

  • Matheus De Sousa Bernardo

    Open Souce não é mais futuro e sim é presente. Veja a Microsoft, Abriu o .net e vai se abrir cada vez mais, ficar preso as amarras do software proprietário só leva a aumento de preço e demora para achar e corrigir bugs, Com software de código aberto, Todos desenvolvedores e entusiastas da plataforma podem ajudar e contribuir. A MS precisa da ajuda da comunidade opensource se não ela vai ficar para trás.

    • Alexandre Krumenauer Sebrão

      Ela abriu o .net pra que o mono da XAMARIN (utiliza a plataforma .net para criar aplicações para android, osx e ios) ficasse bom sem ela precisar investir, o .net evolui para WinRT. Pesquise antes, não foi burrice

      • Matheus De Sousa Bernardo

        Cara o .net não evolui para WinRT, WinRT é uma api assim como o win32, o .net é um framework de desenvolvimento que abrange o WinRT.

  • Nals

    acho que ele tem certa razão, mas isso é muito longo prazo vai ter pelo menos uns 15 anos pra isso começar a acontecer

    • Daniel de Ávila

      Acho complicado, uma vez que justamente novas investidas, mesmo de bons OS morrem por não terem suporte a certo App’s, que só aparecem nas mãos das grandes (é preciso considerar que essa questão de “ter app’s” é uma coisa relativamente nova e que apenas agora se consolidou, a alguns anos o aparelho tipo mobile se justificava por ele mesmo). E se pensarmos que esse limite não seja problema no futuro (mas acharia estranho por que é justamente a maior reclamação junto ao WP, imaginem em um criado por uma pequena empresa), as marcas pensam que o próximo paradigma seja a interação/integração entre plataformas smartphone/desktop/wareble/etc (as 3 grandes apostam nisso: Apple, Google e Microsoft) e com isso parece ser ainda mais lógico um domínio das grandes, por justamente poder apresentar maior gama de produtos. Mas é apenas a minha opinião pessoal em vista o que o mercado tem apresentado.

      • Nals

        Daqui a 15 anos não sabemos nem o peso que os apps terão no futuro, com as impressões em 3d, celulares modulares, realidade aumentada, nem dá pra dizer se ainda estaremos utilizando o celular. Mas o mais próximo da certeza é a tendência a longo prazo de descentralização. Talvez haverão diversos sistemas mas com aplicações compatíveis como o Windows 10 esta propondo agora, talvez isso possa chegar em um nível que seja compatível entre outros ecossistemas. Mas isso tudo não passa de especulação hahaha o que nos resta é esperar.

        • Igor

          Cara, essas previsões de longo prazo são tão subjetivas que podem ser chamadas de chutômetro.

          Veja só: há 15 anos atrás previam que os celulares seriam muito pequenos, quase não visíveis: atualmente o mercado exige smartphones com telas entre 5″ e 6,5″ (e há quem já fale em 7″). Há mais ou menos 10 anos atrás, Nokia e Motorola apostavam em celulares de nichos específicos, como um aparelho para música, outro para foto, outro para uso corporativo… e assinaram o atestado de quase falência por causa disto. Cinco anos atrás se falava que os notebooks iriam sucumbir como os desktops diante aos tablets: atualmente os tablets apresentam tendência à queda graças aos phablets (afinal, porque ter um smartphone e um tablet se você pode ter os dois em um aparelho?) e os notebooks ainda se seguram bem no mercado.

          E, claro, já deve ter uns 15 anos (pelo menos) que falam que o Linux dominaria o mercado, que o software livre seria o futuro… e cada vez mais estão se tornando insignificantes no mercado. Achavam que o usuário iria evoluir nos computadores, que todo mundo iria ser bom em digitar linhas de comandos, mas na realidade o que o usuário quer cada vez mais é digitar menos. Até com o Android essa coisa de software livre está ficando para trás…

          O que o André falou é a mais pura verdade: a única tendência real é o domínio das grandes. A Google, por exemplo, tem investido em conceitos até mesmo considerados inúteis (Google Glass, por exemplo), porque se no futuro isso deslanchar, ela já vai ter domínio da tecnologia. E o cenário atual aponta para o contrário da reportagem: que as grandes vão conseguir exterminar novos sistemas operacionais, por melhor que elas sejam. Vide os eternos “revolucionários” Unbutu Mobile, Sailfish e Meego, Firefox OS, etc., e até mesmo o tão anunciado Tizen (que a Samsung adora dizer que vai lançar, mas não tem coragem…), que não saem da áurea de serem os dominadores do futuro (mas a maioria dos fabricantes não tem o mínimo interesse nelas).

  • Daniel de Ávila

    O cara apenas está advogando em causa própria.. Estranho seria ele estar prevendo o fim do modelo de negócio dele..

    • Luan Rosa

      Só estão vendendo o peixe deles.

    • Danillo Alves

      é um tolo mesmo, sistema totalmente aberto causa muita fragmentação, e se tem muita fragmentação mais difíceis são chegar as atualizações, né atoa que a google ta fechando o android aos pouco, ela percebeu que sistema totalmente aberto ia atrasa-la e fazer com que perca mercado

  • TeYokitoos

    A Cyanogen ainda vai se fufu bonito…

  • Vitor Ferreira Silva

    Nada é eterno. Talvez na mente dos fanboys seja.

  • Erivelton Freitas

    Quando eles fracassarem com sua Versão pobre do mais pobre ainda… “Android”, eu vou é rir da Cara deles!!! Código Aberto é o que fodeu com o Android e vai continuar fodendo.

    É apenas mais um Caso de quem já conta com a Gema sendo que o Ovo ainda ta no C* da Galinha. Ou de quem Cospe pra Cima e o Cuspe volta todinho de Volta pra Cara deles. Só vendo isso, a Cyanogen vai fracassar, e eu mesmo vou abrir a Boca e falar pra quem Perguntar que a Versão Customizada deles não presta assim como Qualquer UI de Android.

  • Renato Assis

    Sempre acreditei que Open Source fosse superior.. porem os sistemas fechados tem sua credibilidade e confiabilidade, acredito ainda que a ruína da tecnologia estará nessa liberdade sem freio de poder usar um sistema como quiser, a LEI deve restringir esses open source. tanto que foi desenvolvido via Android por um Engenheiro de uma aviação um app que manuseava a aeronave, conseguia virar, acelerar, conseguia fazer de tudo desde que tivesse no modo automático.