CEO da Microsoft fala sobre a ausência de APPS famosos na Windows Store

0

Faz tempo que não temos um post polêmico no Windows Team. Desde as matérias bombásticas do Márcio Viana que as pessoas ultimamente têm focado em falar sobre o update para o Windows 10 Mobile e Cortana em PT-BR, ambos que devem chegar até o final do ano (assim esperamos). Mas, será que as pessoas esqueceram do problema “APPS”?

De fato, o Windows Phone vem sofrendo com a falta de alguns APPS mais famosos que estão presentes apenas na concorrência, como o Snapchat, Periscope, Nubank, Cittamobi, APPS oficiais de operadoras, de bancos, estabelecimento comerciais e tantos outros que fazem questão de adicionar a informação “disponível apenas para Android e iOS” em seu material publicitário. Não vamos nem mencionar os APPS oficiais dos serviços da Google para não morrer de raiva.

windows store unificação smartphone PC Windows 10

Por vezes as reclamações atingem APPS que já estão na Windows Store, mas que não contam com a devida atenção de seus desenvolvedores, como é o caso do Instagram, por exemplo, que não vê a cara de um novo update há muito tempo. Ao menos um que traga novidades. Só para se ter uma ideia até hoje não é possível upar um vídeo pelo aplicativo oficial o Instagram no Windows Phone, o que é no mínimo um absurdo.

Mas, onde está o problema? Porque as empresas e desenvolvedores independentes não lançam seus APPS para o Windows Phone? Simples: usuários.

Não, não é culpa sua o fato da Windows Store não contar com APPS famosos e tudo mais. A questão é a quantidade de usuários que usam o Windows Phone. São milhares, sim! Porém, mesmo sendo muitos, muitas empresas ainda consideram o número insuficiente para garantir o retorno do investimento na criação de uma aplicação, e isso é fato. Aqui no Brasil ainda somos agraciados com muitos APPS de prefeituras, serviços, estabelecimentos e bancos, porém, há locais que nem isso tem.

Então, o que fazer para contornar essa situação? Satya Nadella, o atual CEO da Microsoft, responde:

A solução são os aplicativos universais do Windows. Por que? Porque com a nova Windows Store unificada o que não vai faltar para os desenvolvedores são usuários em potencial. Agora eles podem somar a parcela dos milhares de usuários do Windows Desktop a outra parcela de outros tantos milhares de users do Windows Phone. Além disso, podem ainda adicionar mais alguns milhares do Xbox One. O sistema é completamente capaz de lidar com os APPS, as empresas só precisam cria-los, ou portá-los.

O Windows 10 foi lançado há meses, então, cadê os app? Porque não pagar por eles? O Nadella também tem a resposta para essas perguntas

Ele acredita que o sistema de APPS universais precisa apenas de mais tempo para se fortalecer e nada mais. A estratégia dos aplicativos universais do Windows sem dúvida dará frutos, e bons frutos. O Windows 10 Mobile está chegando agora e ainda não houve tempo hábil para espalhar a notícia, por assim dizer.

windows app microsoft

Nadella complementou dizendo que muitos sugeriram que a MS deveria pagar por APPS famosos para fortalecer a loja, porém, o CEO da Cia acredita que essa medida não é algo sustentável, e que em vez da empresa se submeter a tais planos e a acordos individuais e pontuais, ele prefere criar algo mais orgânico e atrativo, de forma que o DEV veja a grande vantagem que é trazer seu APP para o ecossistema universal do Windows, fazendo com que a oferta de APPS na Windows Store ocorra de forma tão natural como acontece hoje na Play Store e na App Store. A ideia é fazer com que empresas e DEVs considerem algo corriqueiro fazer o lançamento de aplicações para o Windows, Android e iOS ao mesmo tempo, e não que o Windows seja uma exceção à regra. Inclusive o Visual Studio 2015 tem ferramentas suficientes para proporcionar essa “simultaneidade”.

Quem quiser algo ainda mais simples pode explorar as possibilidades dos projetos: Westminster – Para portar Web APPS, Centennial – Para portar Classic Win32 APPS, Islandwood – Para portar APPS do iOS. Sem contar o Projeto Astoria, que tinha como objetivo emular APPS do Android no Windows 10, porém, esse vai ficar de lado por um tempo.

Por fim, Nadella disse que a empresa está muito concentrada na melhoria da Windows Store no Windows 10. Ele voltou a enfatizar que a loja está obtendo um sucesso 6X maior do que foi no Windows 8.1. As pessoas parecem finalmente sentir-se confortáveis com a ideia de baixar APPS para seus PCs, logo, sentirão o mesmo ao empunharem seus Lumias com Windows 10 também.

O entusiasmo de Nadella é mesmo contagiante, e imaginamos que se a plataforma realmente conseguir uma adesão maior, nem que seja muito mais no PC do que no mobile, até a Google vai sucumbir e lançará seus APPS para o Windows 10, afinal de contas eles também não podem ficar de fora dessa onda chamada “Windows 10”. Eles precisam ir onde seus usuários estão, essa que é uma frase célebre dita pelo próprio Nadella, mas que se aplica a qualquer empresa do ramo de serviços na web.

Para você, quais APPS ou jogos ainda estão faltando no Windows Phone ou no Windows 10?

Windows Store Unificada Windows 10

Fontes: WindowsClub

Share.

About Author

Especialista em Ensino das Ciências e Matemática, Microsoft MVP – Windows Insider, músico, marido, pai, servo do Deus vivo e entusiasta dos produtos e serviços Microsoft. Carpe Diem!