Dispositivos

Conheça os novos processadores Ryzen Pro e Athlon Pro da AMD

A AMD anunciou novos modelos de processadores voltados para dispositovos portáteis, como Notebooks e híbridos. O Ryzen Pro e o Athlon Pro prometem desempenho e consumo de bateria superiores a produtos concorrentes. Eles fazem parte da 2ª geração dessa linha de processadores da marca. Antes, seu foco eram apenas os consumidores comuns, mas com essa nova leva a AMD quer levá-los também para o mercado corporativo.

HP e a Lenovo devem inaugurar os novos componentes lançando máquinas equipadas com os novos chips ainda nesse trimestre, com fabricantes de PCs adicionais entrando na onda até o final deste ano.

Como seus concorrentes, os novos chips para laptops corporativos são processadores construídos com tecnologia de 12nm com CPUs de 15 watts e gráficos AMD Radeon Vega. Mas, a AMD diz que eles têm coprocessadores de segurança adicionais embutidos, gerenciamento empresarial e:

  • 18 meses de estabilidade de imagem
  • 24 meses de disponibilidade do processador
  • Garantia limitada de 36 meses para fabricantes de sistemas

O Athlon Pro 300U, que é o modelo mais básico de todos e conta com 2 núcleos e 4 threads, gráficos Radeon Vega 3 e clock base de 2,4 GHz, com boost de 3,3 GHz e 5 MiB de memória cache. Já o Ryzen 3 Pro 3300U vem com 4 núcleos e 4 threads, Radeon Vega 6 e clock base de 2,1 GHz, com boost de 3,5 GHz e 6 MiB de memória cache.

Enquanto isso o Ryzen 5 Pro 3500U possui 4 núcleos e 8 threads, gráficos Radeon Vega 8, clock base de 2,1 GHz e boost de 3,7 GHz, com 6 MiB de memória cache. Por fim, temos o Ryzen 7 Pro 3700U conta com 4 núcleos e 8 threads, gráficos Radeon Vega 10, clock base de 2,3 GHz e boost de 4,0 GHz e 6 MiB de memória cache

Aqui estão as configurações básicas dos quatro novos chips portáteis da AMD que estão a caminho dos laptops comerciais este ano:

AMD

Podemos dizer que alguns deles concorrem com modelos de entrada da Intel, como o Core m3 ou até mesmo com o Core i3 mais básico, porém, só testes mais completos poderiam mostram quem ganha e quem perde num desafio justo. Já o Ryzen 7 Pro 3700U, por exemplo, já poderia ir mais além e se meter com o Intel Core i7 mais moderno, mas isso só testes mais avançados poderiam mostrar melhor.

Quem aqui prefere AMD a Intel? Eu mesmo gostaria de ver um Surface com um chipset AMD…

Alexandre Lima
Microsoft MVP Windows Insider, músico, marido, pai, servo do Deus vivo e entusiasta dos produtos e serviços Microsoft. Carpe Diem!