Desafios para desenvolvedores brasileiros fazem parte de programa de incentivo global da Microsoft Devices

8

O DVLUP, criado em 2013 pela Nokia e presente em mais de 47 países, estimula o desenvolvimento e portabilidade para as plataformas móveis Nokia X Software, Nokia Asha e Windows Phone.

DVLUP windows phone logo

A iniciativa DVLUP tem como objetivo dar suporte desenvolvedores desde a concepção da ideia até a finalização e oferta de um aplicativo bem sucedido nas lojas. Os desenvolvedores cadastrados no programa podem participar de qualquer um dos desafios propostos, porém a Microsoft Devices do Brasil oferece algumas opções exclusivas para os brasileiros.

Os dois principais desafios do momento oferecem diversos prêmios, como smartphones Nokia Lumia e acessórios, para desenvolvedores do sistema operacional Android que fizerem a portabilidade de seus aplicativos para a nova plataforma Nokia X Software. Além disso, por meio da soma de pontos no modelo de gamificação, o desenvolvedor recebe diversas vantagens exclusivas.

DVLUP windows phone logo apps

Desafios exclusivos para os brasileiros:

Para quem já possui um aplicativo para a plataforma Android publicado e deseja aumentar ainda mais a base de usuários, há duas competições que terminam no próximo 30 de junho e estimulam a portabilidade. “Seus Apps Android no Nokia X” oferecem bônus de R$50 e R$100 aos desenvolvedores que portarem seus apps com o mesmo nome e as mesmas funcionalidades e conteúdos dos aplicativos Android. Basta seguir as condições estabelecidas para o desafio.

Outra competição brasileira que está fazendo bastante sucesso e termina no próximo dia 13 de julho é a “Copa dos Apps”, que estimula a publicação em qualquer de aplicativos para Windows Phone que utilizam tecnologia e futebol para facilitar a vida das pessoas nas categorias de Entretenimento, Foto, Social, Esporte, Produtividade e Games.

Já a competição “Meu App é POP!” tem como objetivo estimular a criação de aplicativos populares para a plataforma Windows Phone. Ao atingir 50.000100.000200.000 e 350.000 downloads, os desenvolvedores ganham prêmios correspondentes a cada etapa cumprida, como aparelhos Nokia Lumia 1020 e Mini caixas acústicas modelo MD-51W.

Todos os desafios também oferecem reconhecimento em forma de capacitações, acesso a ferramentas de desenvolvimento, participações em eventos nacionais e internacionais, além de resgate de prêmios como smartphones, acessórios e badges exclusivas que dão destaque para o desenvolvedor na comunidade.

“Nosso objetivo é aumentar a oferta nas lojas de aplicativos e ao mesmo tempo qualifica-los ainda mais, oferecendo aos participantes do programa a oportunidade de se profissionalizarem como desenvolvedores. Nossos profissionais também estão disponíveis para orientar em todo o processo de desenvolvimento”, destaca Vanessa Calil, diretora de ecossistemas da Microsoft Devices.

Os regulamentos de cada uma das competições estão disponíveis na página www.dvlup.com e o desenvolvedor tem acesso a eles assim que tem o seu cadastro aprovado.

Sobre o DVLUP

O programa iniciado como um projeto piloto em novembro de 2012 nos Estados Unidos e Canadá e hoje está disponível em 47 países, incluindo Austrália, Áustria, Brasil, China, Egito, Finlândia, França, Alemanha, Grã-Bretanha, Índia, Indonésia , Irlanda, Itália, , México, Portugal, Rússia, Arábia Saudita, Singapura, África do Sul e  Espanha. Em breve, mais países serão adicionados ao programa. Para participar, é necessária a inscrição gratuita no site www.dvlup.com.

Fontes: Nokia Acesoria de impresan

Share.

About Author

Especialista em Ensino das Ciências e Matemática, Microsoft MVP – Windows Insider, músico, marido, pai, servo do Deus vivo e entusiasta dos produtos e serviços Microsoft. Carpe Diem!

  • Leon Gomes

    Porque o facebook não o torna o app do Windows 8 universal para o Windows Phone? um negócio tão simples e nem se liga!

  • Andriw

    Esses desafios da Microsoft só servem para atrair desenvolvedores pequenos e encher a loja com aplicativos que imitam som de pum para fazer volume. O que a Microsoft deveria fazer, mas por burrice não faz, é injetar grana em grandes desenvolvedores para atrair aplicativos de qualidade e conhecidos pelo povo. Tem gente que desiste da compra quando sabe que não terá aplicativos da globo, de jornais e revistas e muito menos de restaurantes.

    • Liru

      Os grandes já foram pequenos..

    • Rafael Martins

      Que manjada heim, rapaz. Google também vive fazendo isso e foi assim que ela conseguiu uma legião de deve.

    • Rodrigo Lage

      Pois é né, pelo o que eu saiba, segundo o que li, maioria dos aplicativos do Google Play são aplicativos sem funcionalidade alguma, como por exemplo, lanternas e os tais pum o qual esta mencionando… Ou seja, apenas 10% de toda loja Google Play tem serventia segundo sites americanos.

      • Andriw

        Segundo sites nigerianos isso se aplica a loja do Windows Phone, com a diferença que os 10% úteis são defasados em relação às demais plataformas ou apresentam erros com fechamentos inesperados….

    • Felipe Bezerra

      Verdade.

  • TeYokitoos

    Rudy deveria ganhar um lugar na Microsoft isso sim 😀
    Os apps dele são muito bons

    :V