Dev Center ganha novidades como a opção para enviar jogos UWP para O Xbox One

0

Conforme prometido, o Dev Center acabou de ganhar algumas novidades bem interessantes, entre as quais está a opção para enviar APPs e Jogos Universais para a Windows Store do Xbox One. Mas, vamos com calma. Cada detalhe aqui é importante.

O desenvolvedor interessado em publicar seu jogo na loja unificada do Xbox One e do Windows 10, não poderá simplesmente pegar sua criação e jogar na loja, antes disso ele precisará visitar o  ID@Xbox para se inscrever no programa, ou fazer uma solicitação dessa liberação a equipe de suporte do ID@Xbox, caso já seja membro do programa, para que tal habilidade passe a funcionar.

Esse procedimento garantirá que todos os jogos migrados passem por um tipo de “processo de aprovação” na loja, afim de garantir que a experiência do jogo seja satisfatória para os moldes do Xbox. Tudo isso tem como finalidade garantir uma experiência de qualidade aos games que virão da Windows Store para PCs e smartphones. Aos DEVs que ficaram preocupados com esse requisito, não se preocupem, não é nenhum bicho de 7 cabeças.

Além dessa novidades comentada acima, temos mais algumas outras coisas das quais vale a pena citar:

  • Novo dashboard: eles redesenharam o dashboard afim de deixá-lo mais “esperto”, com acesso rápido a opções do painel e tudo mais
  • Novo Gradual package rollout: Agora o desenvolvedor pode liberar atualizações de forma gradual para um determinado percentual de seus utilizadores por vez, assim ele pode controlar a liberação de novos updates, evitando maiores danos caso um update seja mal sucedido

DEV Center porcentagem update usuários

  • Novo package flighting para o Xbox: Desde ontem o package flighting também será aplicado a jogos e aplicativos que tem como alvo o Xbox One
  • Nova submissão de API: Desenvolvedores agora podem automatizar e simplificar o envio de novas API por meio da Windows Store submission API. Essa funcionalidade está sendo liberada em ondas, e aos poucos todos os DEV receberão um e-mail com mais informações sobre ela.
  • Novo! Atualizações Obrigatórias: Desenvolvedores agora podem sinalizar atualizações como sendo “obrigatórias”. A finalidade é forças os usuários para a versão mais recente da aplicação afim de lhe proporcionar a melhor experiência possível.
  • Nova tabela para consulta de moedas/preços: Desenvolvedores agora contarão com um tipo de tabela que contém diversas moedas de várias regiões e quanto ficará o preço do seu APP nessa regiões. O mesmo valerá para os Add-on.
  • Novo gráfico simplificado do alcance das famílias de dispositivos: ficou muito mais fácil saber em qual dispositivo da família Windows seu APP e seus Add-on vem sendo mais baixados.

DEV Center familia de dispositivos

  • Simplificação na exibição dos requisitos do sistema: o Dev Center ganhou mais opções para detalhar os requisitos mínimos de hardware para rodar os APPs e Jogos, e também opção para mostrar o hardware recomendado. Agora será possível mostrar até mesmo RAM, versão recomendada do DirectX, etc.
  • Eles atualizaram a experiência do A/B testing
  • Agora não será mais possível alterar a categoria de um jogo uma vez que ele seja publicado na loja. No máximo será possível mudar sua subcategoria. E caso ele venha a ser republicado na loja, mesmo assim sua categoria continuará sendo a mesma

Além de tudo isso, eles adicionaram novas formas para melhorar a monetização das aplicações e jogos, e também melhoraram e trouxeram novas ferramentas sobre os dados analíticos das aplicações publicadas. Confira mais informações clicando aqui.

Share.

About Author

Especialista em Ensino das Ciências e Matemática, Microsoft MVP - Windows Insider, músico, marido, pai, servo do Deus vivo e entusiasta dos produtos e serviços Microsoft. Carpe Diem!