Dispositivos com telas menores que 8 polegadas podem não rodar o modo desktop do Windows 10

48

microsoft-windows-10-live-verge-_0312

O evento da Microsoft do dia 21 fez muita gente correr para as prateleiras e comprar tudo que era tipo de dispositivo equipado com uma versão original do Windows 8.1 Full. Isso por que segundo a Microsoft todo e qualquer dispositivo equipado com o Windows 8.1, ou 7, ou ainda com Windows Phone 8.1, seria capaz de rodar o Windows 10. Essa afirmação é verdadeira, mas tem algumas entrelinhas.

De acordo com novas informações descobertas pelo pessoal do SlashGear e confirmadas pelo Joe Belfiore via Twitter, aparelhos com telas menores que 8 polegadas não serão capazes de rodar o modo desktop como vimos na apresentação.

O modo desktop do qual estamos falando é referente ao modo conhecido como “Continuum”, no qual o botão Iniciar abre uma janela de possibilidade, juntamente com uma aba específica para Cortana entre outras coisas. Isso nós já sabíamos que iria acontecer com os smartphones, mas pelo visto tablets e PCs menores que isso receberão uma versão com uma interface diferenciada também. Mais no estilo Metro/Modern do Windows 8.1.

Não vamos confundir essa UI adapta a versão do Windows RT, já que mesmo sendo uma UI adaptada o sistema não terá limitações com o RT, como por exemplo, acesso apenas a loja de apps da Microsoft. A única diferença é ausência do modo Continuum.

Windows 10 Preview Desktops smartphone

Tal adaptação a princípio pode parecer uma coisa ruim, mas não é. A ideia da Microsoft é oferecer o Windows 10 como uma das melhor experiência para o usuário quanto for possível. E venhamos e convenhamos que rodar as funcionalidades daquele botão Iniciar numa telinha um pouco maior que a de um Lumia 1520 não é de todo prazeroso.

Possivelmente essa será a mesma UI que veremos na versão adaptada do Windows 10 para dispositivos com Windows RT, porém, com suas respectivas diferenças relacionadas a processadores baseado em arquitetura ARM e os não ARM, por assim dizer.

Não há porque se preocupar com isso agora, temos certeza que a experiência da versão final agradará a todos. Acho que isso só não ficou bem explicado no evento.

Fontes: SlashGear e Twitter 1 e 2

Share.

About Author

Especialista em Ensino das Ciências e Matemática, Microsoft MVP - Windows Insider, músico, marido, pai, servo do Deus vivo e entusiasta dos produtos e serviços Microsoft. Carpe Diem!