Domingo, 16 de Dezembro de 2018
Home Notícias

Facebook, Microsoft, Google e Twitter trabalhando juntos? em que?

21/07/2018 476 0
Facebook, Microsoft, Google e Twitter trabalhando juntos? em que?

Facebook, Microsoft, Google e Twitter tem trabalho juntas, mas em que? Eles tem trabalhado juntos para dar às pessoas mais controle sobre seus dados.

“Estimulados” pelo novo Regulamento Geral sobre a Proteção de Dados (RGPD) que entrou em vigor na União Européia, essas gigantes resolveram trabalhar juntas para facilitar o processo de acesso de dados pessoais em diversas instâncias, até porque algumas delas já foram “vítimas” da nova regulação. A mais recente delas foi a Google, que recebeu uma multa que de quase US $ 5 bilhões, e ainda está sendo obrigada a repensar seu modelo de distribuição do Android por ter sido acusada de promover ações antitruste por meio do seu sistema operacional para dispositivos móveis (veja mais aqui). Antes dela foi o Facebook que se envolveu em um escândalo envolvendo o vazamento de dados de seus usuários (veja mais aqui).

A ideia é tornar as configurações de privacidade mais fáceis de serem encontradas e melhorar a capacidade dos usuários de gerenciarem seus próprios dados, inclusive por meio do recurso Fazer o download de suas informações, que é uma maneira de acessar uma cópia segura dos dados que você compartilhou com o Facebook, por exemplo.

Mas, usar seus dados de um serviço quando você se inscreve em outro ainda não é tão fácil assim, como é o caso de fazer login usando sua conta Microsoft, Facebook, Google e outros. Foi daí que nasceu o Projeto de Transferência de Dados (Data Transfer Project), que conta com diversos grandes colaboradores, incluindo o Google , a Microsoft e o Twitter. Todos estão empenhados em criar uma maneira comum para as pessoas transferirem dados para dentro e fora dos serviços online.

Resultado de imagem para Data transfer project

Mover seus dados entre dois serviços pode ser complicado, porque todos os serviços são criados de forma diferente e usam diferentes tipos de dados que podem exigir controles e configurações de privacidade exclusivos. Por exemplo, você pode usar um aplicativo no qual compartilha fotos publicamente, um aplicativo de rede social no qual compartilha atualizações com amigos e um aplicativo de condicionamento físico para acompanhar seus treinos. As pessoas querem cada vez mais poder mover seus dados entre diferentes tipos de serviços como esses, mas esperam que as empresas que os ajudam a fazer isso também protejam seus dados.

Esses são os tipos de problemas que o Projeto de Transferência de Dados abordará. O projeto está em seus estágios iniciais e espera-se que mais organizações e especialistas se envolvam nele com o passar do tempo. Mais informações estão disponíveis no white paper do projeto e em https://datatransferproject.dev/.

Fonte: Facebook

Compartilhe:

Comentários: