Segunda-Feira, 16 de Julho de 2018
Microsoft anuncia o recurso Respostas Inteligentes para o Bing

A Microsoft anunciou há pouco a chegada do recurso “Respostas Inteligentes” para o Bing.com. Este recurso está sendo integrado aos novos recursos de busca inteligente que se conectou com avançados serviços baseados em Inteligência artificial (AI) para proporcionar às pessoas respostas mais abrangentes e de maneira mais rápida.

Mais respostas sobre tópicos diversos selecionados de fontes variadas

O Bing agora agrega fatos para certos tópicos através de vários sites para você, então você pode economizar tempo aprendendo sobre um tópico sem ter que verificar várias fontes, sem a necessidade de entrar em cada site para verificar qual conteúdo mais lhe interessa.

Por exemplo, se você quer aprender mais sobre tundras, simplesmente faça uma busca por “fatos do bioma de tundra” e o Bing lhe dará fatos compilados a partir de três fontes diferentes na parte superior da página de resultados.

Ajuda na descoberta do significado de palavras pouco usuais

Quando Bing reconhecer uma palavra que não é de conhecimento comum, ele passará a mostra a definição quando você focalizar com o cursor em cima da mesma.
Por exemplo, imagine que você está pesquisando respostas para uma questão médica. O Bing certamente lhe dará uma resposta, mas existem alguns termos que você pode não estar familiarizado, então, basta passar o mouse por cima de um desses termos para obter a definição sem sair da página atual.

Várias respostas para uma mesma pesquisa

O Bing agora pode oferecer várias respostas instantâneas para uma mesma pesquisa. Respostas múltiplas são especialmente úteis em situações onde os usuários lutam para fazer uma consulta específica o suficiente, como quando eles têm diversas perguntas, mas pode não saber as palavras certas para fazer a pesquisa de forma mais eficiente. Nas próximas semanas a equipe do Bing estará aplicando uma técnica de previsão baseada em AI que poderá ajuda-lo a concluir sua pesquisa com mais precisão.

Mais oportunidades para pesquisar dentro de uma imagem

Uma outra característica nova que foi anunciada em dezembro é a busca inteligente por imagens, que lhe permite pesquisar dentro de uma imagem para encontrar imagens e produtos similares. Com a pesquisa inteligente de imagens, os usuários podem selecionar manualmente um objeto desejado por meio de um recorte manual em torno da parte da imagem que lhe interessa, mas com o recurso de detecção de objeto interno isto será ainda mais fácil de fazer, já que será possível realçar esses objetos com hotspots clicáveis, que o levará a resultados mais relevantes e precisos.

Avançando nos recursos inteligentes com o Intel FPGA

Entregar a busca inteligente requer tarefas como a machine reading comprehension, que exige grande poder computacional. Então, eles construíram a deep learning acceleration platform, que nada mais é do que uma plataforma de aceleração de aprendizagem profunda, que neste caso está sendo chamada de Project Brainwave, que é executada em redes neurais profundas na Intel® Arria e Stratix® na ordem de milissegundos.
Tudo isso permite ao Bing ler e analisar bilhões de documentos em toda a web de forma ultra rápida e proporcionar a melhor resposta para sua pergunta em menos de uma fração de segundo. Dispositivos FPGA da Intel não só fornecem o desempenho em tempo real e necessário para o Bing, como também para a agilidade de continuar inovando ao usar a mais avançada tecnologia para trazer-lhe respostas inteligentes adicionais e resultados de busca melhor. Na verdade, FPGAs da Intel permitiram diminuir a latência dos modelos tradicionais em cerca de 10X.
É o Bing se reinventando para responder a altura os altos investimentos da Google em seu buscador. Nos EUA o Bing já é bem relevante entre os mecanismos de buscas mais usados pelos americanos, e o novo recurso deve dar um gás extra para o buscador da Microsoft nessa região.
Para nossa infelicidade a grande maioria desses recursos não funcionam no Bing.com região Brasil, porém, você pode experimentar a busca inteligente por imagens, ele funciona (experimente aqui), no entanto, alguns outros não. Sem dúvida algum deles chegarão para os brasileiros em algum momento deste ano ou do próximo.
Mais conteúdo sobre este tópico disponível aqui.

Compartilhe