Microsoft deve fazer novo corte de empregos ainda hoje em sua divisão de hardware e outras

2

Ano passado, mais precisamente em julho, a Microsoft anunciou que faria um dos maiores cortes em seu quadro de funcionários de toda a sua história ao demitir mais de 18.000 pessoas. A maioria delas vieram da Nokia, que teve sua divisão mobile comprada pela Microsoft em 2013. O processo de desligamento desse monte de gente só terminou no início deste ano, porém, vem mais por ai.

Funcionários MIcrosoft demissão

A empresa deve começar a demitir mais pessoas a partir de hoje, e mais uma vez os desafortunados deverão ser da divisão de hardware da Microsoft, especialmente da área responsável pela fabricação dos Lumias. A justificativa seria o fato de que o Windows Phone ainda não decolou como o esperado, e como uma medida de contenção de gastos, o contingente de empregados precisará ser diminuído. Quem trabalha em outros setores da Cia não deve se sentir muito seguro, pois, cortes em outras áreas também devem acontecer, já que a previsão é de que mais de 7800 empregados devam ser demitidos.

Tais medidas se encaixam perfeitamente no contexto do recente e-mail enviado pelo CEO da empresa, Satya Nadella, em que ele diz que “decisões difíceis precisariam ser tomadas em setores que não estão funcionando como o esperado…”. Até o antigo CEO da Nokia, Stephen Elop, já está cumprindo aviso prévio (rsrs).

Até o final de março a Microsoft contava com um quadro de aproximadamente 118 mil funcionários, e como todo bom empresário sabe, efetivo é um dos principais custos para uma empresa, e para quem deseja cortar custos e enxugar o orçamento, infelizmente essa é a primeira saída, especialmente para quem trabalha com produção. Diga-se de passagem, ainda bem que a sede da Microsoft e suas principais fábricas não são no Brasil, senão, a coisa poderia ser ainda pior, tendo em vista a atual situação em que a economia brasileira se encontra.

Fontes: Microsoft News

Share.

About Author

Especialista em Ensino das Ciências e Matemática, Microsoft MVP – Windows Insider, músico, marido, pai, servo do Deus vivo e entusiasta dos produtos e serviços Microsoft. Carpe Diem!