Segunda-Feira, 17 de Dezembro de 2018
Home Destaque

Microsoft divulga primeira distro Linux oficial paga: WLinux

10/11/2018 15639 0
Microsoft divulga primeira distro Linux oficial paga: WLinux

[Atualizado em 13/11/2018 às 10:00h] A Microsoft ajudou a divulgar duas novas distribuições Linux para o Windows 10 Subsystem for Linux (WSL): A novidade é que uma delas é a primeira distribuição Linux paga, chamada WLinux, que é uma distribuição baseada no Debian, disponível por US $ 19,99 na Microsoft Store. A empresa divulgou ainda a chegada do Ubuntu 18.04, que também estará disponível na loja. Ressaltando que ela ajudou a divulgar, mas as distribuições não são criações suas, mas sim, de outras empresas que as construíram em parceria com a Microsoft Research.

Embora a Atualização do Windows 10 de outubro de 2018 ainda deve ser relançada em algum momento pela Microsoft devidos aos bugs de perda de dados e tantos outros erros que essa atualização trouxe, a Microsoft compartilhou como a versão mais recente do Windows 10, a 1809, trará mais suporte às distribuições Linux por meio da WSL. A WSL permite que o Windows 10 execute várias distribuições GNU / Linux dentro do sistema operacional como aplicativos, oferecendo acesso ao Ubuntu, ao openSUSE, ao Debian, ao Kali Linux e outros.

“O WLinux é uma distro customizada do Linux construída a partir do Debian especificamente para uso na WSL”, disse a empresa. “Enquanto outras distribuições estão disponíveis para a WSL, o WLinux é o primeiro otimizado para uso por usuários da WSL.” O WLinux, construído pela Whitewater Foundry e promovido como um “ambiente de terminal Linux rápido para desenvolvedores”.

WLinux

Agora você pode instalar o WLinux a partir da Microsoft Store. O WLinux é o primeiro aplicativo de distribuição pago disponível para a WSL. Ele inclui recursos descritos em seu repositório GitHub como o wlinux-setup, que permite que os usuários configurem facilmente os toolchains de desenvolvedores comuns e removam recursos não suportados, como systemd.

O WLinux é um ambiente Linux para o Windows 10, construído em parceria com o pessoal da Microsoft Research e do projeto Debian. Veja a seguir os recursos do WLinux:

Aproveite todo o poder do ecossistema de código aberto.

Acesso a mais de 25.353 pacotes de código aberto para aumentar sua produtividade. Instale e atualize pacotes facilmente usando o poderoso sistema de gerenciamento de pacotes apt. Adicione e instale de repositórios oficiais compatíveis com o Debian. Use aptitude ou ferramentas GUI sinápticas para procurar e instalar novos pacotes.

Facilidades com o wlinux-setup.

O WLinux inclui o wlinux-setup para ajudar a colocar o seu ambiente de trabalho em funcionamento rapidamente. Instale facilmente as ferramentas Python, Go, Ruby, NodeJS, PowerShell e Azure Cloud, entre outras. Você sempre pode atualizar para a versão mais recente do wlinux-setup para obter os recursos mais recentes. Nós também aceitamos pedidos.

Execute muitos aplicativos GUI do Linux.

Muitos aplicativos GUI do Linux são executados no WLinux com um servidor X de terceiros instalado no Windows. Escolha entre X410 , VcXsrv , Xming ou Xmanager . Recomendamos o X410. O WLinux é fornecido com configurações personalizadas para melhorar o desempenho do aplicativo GUI no Windows.

Os aplicativos do Linux são executados na velocidade nativa.

O WLinux não executa emulação ou opera em uma máquina virtual, a camada de tradução do WSL executa nativamente binários do Linux, traduzindo o syscalls do Linux para o syscalls do Windows. As tarefas intensivas da CPU são executadas de forma mais rápida ou mais rápida no WSL do que o Linux no bare metal, com pouca ou nenhuma sobrecarga. Instale e use as mais recentes ferramentas de aprendizado de máquina de código aberto, inteligência artificial e ciência de dados diretamente no Windows.

Trabalhe perfeitamente entre o Windows e o Linux.

Acesse sua unidade C:\ em /mnt/C automaticamente. Copie e cole do Visual Studio para o Emacs. Abra o Word a partir do zsh. Pipe ifconfig.exe saída em um script Python. É um mundo híbrido. O WLinux preenche a lacuna entre o Windows e o Linux. O WLinux também inclui instalações para facilitar o trabalho no mundo híbrido.

Acione um servidor da Web para testar seu aplicativo da web.

Apache, PostgreSQL, MySQL, ngnix, NodeJS, npm e PHP. Crie e execute seu aplicativo da Web no WLinux usando as melhores ferramentas, plug-ins e bibliotecas que o código-fonte aberto tem a oferecer. O WLinux é particularmente útil para desenvolvedores frontend novos no Linux.

Suporte ao desenvolvimento indie de código aberto.

O WLinux é a primeira distribuição do Linux criada especificamente para o WSL. Foi criado por usuários da WSL que reconheceram o potencial da plataforma. O projeto é de código aberto e a contribuição da comunidade é altamente incentivada. Compras através da Microsoft Store empregam desenvolvedores para adicionar recursos, construir versões, fornecer suporte ao usuário e corrigir bugs de segurança. A WSL é suportada por uma crescente comunidade online e oficialmente suportada pela Microsoft no Windows 10 e no Windows Server 2019.

Expandir o suporte internacional.

Trabalhamos ativamente para melhorar o suporte a pessoas que não falam inglês e àquelas com métodos de entrada não latinos. O “wlinux-setup” atualmente oferece localização e atalhos de teclado para aplicativos de terminal. Recursos para melhorar a entrada em aplicações gráficas estão planejados em nossa próxima versão. A documentação foi traduzida para chinês e japonês.

Microsoft melhora o WSL e oferece conveniência com o Windows 10 versão 1809

Embora o WSL não seja novo, com o lançamento da Atualização do Windows 10 de outubro de 2018, os usuários poderão iniciar o Linux direto através do Windows File Explorer. A Microsoft adicionou uma nova entrada de menu de contexto “Abra o shell do Linux aqui” no shell. Os usuários podem fazer isso no explorador de arquivos, selecionando uma pasta e clicando em Shift + Direita para ver o novo menu de contexto. Clicar na opção “Abrir shell do Linux aqui” iniciará a distribuição padrão do WSL diretamente nesse caminho.

A Microsoft também compartilhou uma longa lista de bugs e melhorias no WSL que serão disponibilizados com o lançamento do Windows 10 1809.

Execute o Ubuntu 18.04 no WSL em dispositivos ARM

A Microsoft anunciou também que agora você pode executar o WSL e o Ubuntu 18.04 em dispositivos ARM! Quando você baixa o Ubuntu 18.04 da Microsoft Store, podemos detectar se você está executando um dispositivo ARM e automaticamente pegar a versão ARM do aplicativo. Confira uma sessão na // Build 2018 falando sobre o Windows 10 para desenvolvedores ARM (WSL em 13:58) para mais informações.

Copiar / colar chega para consoles Linux / WSL

Agora você pode usar o Crtl + Shift + C / V para copiar / colar no seu console! Tudo o que você precisa fazer é definir essa opção no seu console:

Agora, vamos aguardar a Microsoft liberar a Atualização do Windows 10 de outubro de 2018 para todos os usuários, sem bugs, assim esperamos!

Fonte: Microsoft / UnixUniverse

Compartilhe:

Comentários: