Microsoft e Prefeitura de Fortaleza firmam importante parceria para região

0

A Prefeitura de Fortaleza, por meio da Secretaria Municipal do Desenvolvimento Econômico, assinará nesta terça-feira (08), às 10h, no Auditório da pasta, um acordo de intenções com a Microsoft Informática. A iniciativa possibilitará o acesso à tecnologia de ponta para pequenos empreendedores, além de oferecer capacitação e estimular a inovação no município. Na ocasião estarão presentes o titular da SDE, Robinson de Castro, o diretor de setor público da Microsoft Brasil, Milton Larsen Burgese, além de representantes de startups do município.

Fortaleza Beira Mar

Fortaleza Beira Mar

A partir do acordo, a Microsoft oferecerá conteúdos de capacitação básica em Tecnologia da Informação (TI) que poderão compor a grade curricular a ser oferecida por programas do município e disponibilizar conteúdo gratuito online de capacitação em TI.  De acordo com a IDC, empresa líder em inteligência de mercado e consultoria nas indústrias de tecnologia da informação, telecomunicações e mercados de consumo em massa de tecnologia, cerca de 40% das empresas brasileiras têm dificuldade em encontrar pessoal qualificado para preencher suas vagas, sendo que no país quase 18% dos jovens estão desempregados.

A intenção é que a partir desse acordo com uma das maiores empresas de tecnologia do mundo o município firme uma parceria para criação de um programa municipal  de startups em Fortaleza”, pontuou o titular da SDE, Robinson de Castro.

O setor de serviços em TI cresce quatro vezes acima do PIB nacional e deve liderar o crescimento desse setor, com mais de 1 milhão de oportunidades de trabalho (1.216.000) em diversas regiões do País, segundo a IDC Brasil.

Na Microsoft, nós temos um compromisso de longo prazo com o desenvolvimento e a competitividade do Brasil. Por isso, essa parceria com a Prefeitura de Fortaleza é fundamental para ampliarmos a atividade empreendedora na cidade. Também contribuiremos com o ecossistema local ao oferecer nossos programas de apoio às startups que contemplam várias das fases da jornada empreendedora de uma empresa”, afirma Milton Larsen Burgese, diretor de setor público da Microsoft Brasil.

O acordo prevê, ainda, possibilidade de adesão ao Programa BizSpark de fomento ao empreendedorismo e desenvolvimento de empresas iniciantes (startups), que inclui acesso a software Microsoft de alta tecnologia, suporte técnico, treinamento de negócios e gerenciamento e visibilidade para startups que se enquadrem no regulamento do programa, com duração de três anos. Também será oferecido acesso à ferramenta Windows Azure, uma plataforma na nuvem para criação e desenvolvimento de programas e serviços, facilitando a disponibilização de produtos/serviços de startups no mercado.

BizSpark_StartUp

Fonte/reprodução: assessoria de imprensa da Microsoft Brasil

Share.

About Author

Especialista em Ensino das Ciências e Matemática, Microsoft MVP - Windows Insider, músico, marido, pai, servo do Deus vivo e entusiasta dos produtos e serviços Microsoft. Carpe Diem!