Aplicativos

Microsoft Edge baseado no Chromium exigirá o Windows 10 de 64 bits

Como já era de se esperar, a versão do Microsoft Edge baseada no Projeto Chromium exigirá que o usuário esteja executando a versão de 64 bits do Windows 10. Na verdade, a versão de 32 bits do sistema operacional da Microsoft está fadada ao esquecimento, e aqui incluímos o Windows 10 e o Windows 10 Mobile, que é um ARM32. É uma tendência. O Google já fez isso com o Android e a Apple também com o iOS, que deixaram suas versões de 32 bits em algum lugar do passado.

O vazamento vem de uma documentação publicada no site do próprio Edge. No documentos é possível ler que o Edge Chromium Based está atualmente disponível apenas para dispositivos de 64 bits. A Microsoft não afirmou quando e se o navegador estará disponível para dispositivos de 32 bits. Parece que a empresa está evitando usuários de 32 bits pelo menos para a fase de testes, mas quem sabe depois eles liberem para todos.

O fato é que ainda não sabemos ao certo quando os testes públicos do novo Edge estarão disponíveis. Quando eles liberarem tudo será muito mais fácil correr atrás de informações como essa.

Notícias sobre o Edge baseado no Projeto Chromium:

Fonte > MSPoweruser

Alexandre Lima
Microsoft MVP Windows Insider, músico, marido, pai, servo do Deus vivo e entusiasta dos produtos e serviços Microsoft. Carpe Diem!