Microsoft está no top 10 das empresas mais lucrativas do mundo

15

Microsoft Layoffs

Se você pensa que uma quedinha no markershare do Windows Phone na Europa é algo seríssimos de arrancar os cabelos para a Microsoft, não se engane, a gigante de Redmond acabou de entrar para o top 10 das empresas mais lucrativas de todo o mundo.

Obviamente seus smartphones Lumias ainda não dão o retorno devido, e não são a parte mais lucrativa da cia, por outro lado, o licenciamento do Office para empresas e pessoas físicas, a venda de licenças para o Windows e suas soluções para servidores vem dando uma margem de lucro altíssima para a Microsoft, na casa dos U$ 22,1 bilhões.

No ranking ela figura no 10º lugar, perdendo para outras empresas do setor de energia, como a Exxon Mobil, e para bancos como o Industrial and Commercial Bank of China, grande vencedor com lucros na casa dos U$ 42,7 bilhões. A sua frente estão a Apple e a Samsung, caso queiramos comparar seus resultados com outras empresas que também são do ramo da tecnologia. A Apple com seus U$ 37 bilhões, enquanto a Samsung com U$ 27,2 bilhões. Assim como a Microsoft, a Samsung e Apple não lucram apenas vendendo smartphones, cada uma tem seu portfólio, que varia desde TV’ a acessórios mais simples. Vale lembrar que até com o próprio Android da Google a Microsoft ganha dinheiro.

Esses números correspondem ao lucro líquido da empresa, e o ranking foi montado pelo jornal USA Today. Veja a lista completa a seguir.

  1. Industrial and Commercial Bank of China (US$ 42,7 bilhões)
  2. Apple (US$ 37 bilhões)
  3. Gazprom (US$ 35,7 bilhões)
  4. China Construction Bank (US$ 34,9 bilhões)
  5. Exxon Mobil (US$ 32,6 bilhões)
  6. Samsung Electronics (US$ 27,2 bilhões)
  7. Agricultural Bank of China (US$ 27,1 bilhões)
  8. Bank of China (US$ 25,5 bilhões)
  9. BP (US$ 23,5 bilhões)
  10. Microsoft (US$ 22,1 bilhões)

Fontes: USA Today via: Tecmundo

Share.

About Author

Especialista em Ensino das Ciências e Matemática, Microsoft MVP - Windows Insider, músico, marido, pai, servo do Deus vivo e entusiasta dos produtos e serviços Microsoft. Carpe Diem!