Microsoft pode liberar o Windows 10 de graça até para quem usa uma versão pirata do sistema?

71

peer-to-peer-p2p-update-microsoft-windows-10

Foi isso mesmo que você leu no título deste post, não foi erro de digitação. Segundo informações colhidas pela Reuters junto ao Terry Myerson, um dos executivos mais conhecidos da companhia, a Microsoft pode liberar o Windows 10 gratuitamente para todo e qualquer usuário que use qualquer versão do Windows 7 e 8.1, mesmo que esta seja uma versão pirateada.

A “promoção” tem fundamento, e quem explicou isso foi o próprio Myerson ao afirmar que a estratégia da Microsoft é fazer com que as pessoas se sintam confortáveis ao usar o seu software, ao invés de simplesmente empurrar uma taxa de licença. Isso por vezes faz com que os usuários simplesmente corram para meios alternativos, fazendo com que a empresa não tenha um controle real sobre o crescimento do seu software. “Perdemos feedbacks importantes com isso, deixamos de detectar bugs e erros que poderiam deixar o sistema mais completo e com mais funções…” disse ele. Tudo vai depender apenas do hardware do dispositivo ser compatível ou não com o Win10.

Seria o fim do Windows pirateado? Os hackers perderam seus empregos :D

Seria o fim do Windows pirateado? Os crackers perderão seus empregos? 😀

Claro que por trás dessa bondade toda tem uma estratégia genial, já que estamos falando de Satya Nadella, o CEO que não dá ponto sem nó. Com tal atitude a Microsoft acabará com basicamente todas as versões piratas do Windows espalhadas pelo mundo, e como consequência disso o volume de usuários satisfeitos e prontos a contribuir com o crescimento do software será gigante. Além disso, são possíveis compradores de outros serviços, como OneDrive, Office e por que não dizer de Lumias?  Afinal, todos passarão a usufruir do melhor do ecossistema Windows de graça e de forma oficial… qual seria o motivo agora para as pessoas usaram o software da concorrência? Poxa, estamos falando do Windows 😀

Além disso, estamos falando sobre uma divulgação em massa do Windows 10 por 1 ano inteirinho, já que ele só será gratuito para quem fizer o update até 365 dias depois do anúncio oficial. Alguém ai discorda que não poderia haver melhor estratégia de marketing?

Fontes: Reuters via: TudoCelular

Obg ao Fagner Pereira pela dica 😉

Share.

About Author

Especialista em Ensino das Ciências e Matemática, Microsoft MVP - Windows Insider, músico, marido, pai, servo do Deus vivo e entusiasta dos produtos e serviços Microsoft. Carpe Diem!