Microsoft pode ressuscitar smartphones com Windows, mas com uma nova roupagem

0

Segundo informações de fontes do Brad Sams, conhecido entusiastas e especialistas em assuntos relacionados a Microsoft do canal Thurrott, a Microsoft tem planos para ressuscitar a linha de smartphones com Windows, porém, com uma nova abordagem, uma nova roupagem.

Segundo suas fontes, há pelo menos um novo dispositivo sendo testado internamente. Por hora, ele não seria o tão falado Surface Phone, até porque o Surface Phone/Pocket/Mini ou seja lá o que for, não será essencialmente um smartphone. O tal dispositivo final apontado por Nadella está mais para um Surface em miniatura com funcionalidades de celular. Se ele rodará o Windows 10 ARM ou o Windows 10 S, isso ainda não sabemos. Até o final deste ano teremos notícias sobre, porém, ainda é difícil saber até que ponto ele irá mexer com o atual mercado de telefones e computadores pessoais.

Voltando ao Reboot da linha de smartphones com Windows by Microsoft, o telefone poderia ser um novo Lumia, ou ainda uma nova linha, mas, que sistema operacional ele rodaria? O Windows 10 Mobile? Já considerado morto por centenas de milhares de usuários e desenvolvedores? Não sabemos, só sabemos que será o Windows e que sem dúvida ele contará com suporte aos aplicativos universais do Windows. Dessa forma, poderia ser qualquer uma das telas: Windows 10 Mobile, Windows 10 IoT, Windows 10 S, Windows 10 ARM, etc.

ChecOut M – um protótipo de dispositivo IoT que se parece com um telefone e que roda o Windows 10 IoT

O mais intrigante é que as fontes afirmam que a ideia é trazer a tona “novas experiências” e aqui estaria inclusa a interface do usuário. Esta pode sofrer modificações e ser apresentada de uma maneira reformulada para seus usuários. Em suma, o novo telefone inteligente pode vir com uma versão do Windows 10 que tem uma interface diferente da que estamos acostumados a ver.

Conceito de uma nova UI para o Windows Mobile

Ainda segundo as fontes, o dispositivo parece estar em fase inicial desenvolvimento, então, um lançamento pode não ocorrer tão cedo, como muitos desejam. Espera-se que o projeto virá a público nos próximos 10 a 12 meses.

Enfim, mesmo sabendo que a Microsoft tem um pé no futuro, ela não pode ignorar o atual momento do mercado que tem girado em torno dos smartphones. Sabemos que o futuro não pertence a esses dispositivos, porém, o presente é agora e nem a Microsoft pode ignorar isso.

Essa nova tentativa dará resultados? não sabemos, porém, sempre falamos aqui que a Microsoft não é de desistir facilmente. Enfrentar o iOS da Apple e principalmente o Android da Google não é uma tarefa básica e fácil. Tomara que dê certo desta vez. Tomara também que outras mais abracem essa empreitada… monopólio não é bom para nenhum consumidor, e isso também se aplica ao mercado de Desktops e Laptops, onde o Windows reina soberanamente.

Fonte: Thurrott

Share.

About Author

Funcionário Público Federal, formado em Licenciatura em Química, Especialista em Ensino das Ciências e Matemática, músico, marido, pai, servo do Deus vivo e entusiasta do Windows Phone. Carpe Diem