Microsoft registra aumento nos lucros graças ao Office, Surface e Serviços em Nuvem

0

A Microsoft liberou os dados quanto a sua lucratividade com relação ao primeiro trimestre de 2016. Vamos aos dados.

Sua receita total foi de US $ 20,5 bilhões e seu lucro líquido foi de US $ 4,7 bilhões. Os destaques desse trimestres ficam por conta do Microsoft Office, onde está o Office 365 e Office 2016, por exemplo, que teve um aumento em sua lucratividade de 8%. Depois temos um aumento de 8% na lucratividade com os serviços em Nuvem, como por exemplo, Azure e OneDrive. A título de curiosidade, só o Azure registrou um crescimento de 116%. Também houve um aumento considerável de 38% na receita com a linha Surface, que atingiu o patamar de US $ 926 milhões de receita, contra US $672 no trimestre anterior.

surface-office-nuvem-lumia-smartphone

Quem continua dando um baita prejuízo a empresa é seu setor de smartphones, que registrou uma queda de 72%. Outro departamento que registrou queda foi o de Games, que registrou 5% de queda. Com relação a esse último dado, a Microsoft atribuiu a queda ao processo de renovação de seus consoles, passando da geração do Xbox 360 para o Xbox One e assim por diante, e a redução do preço do Xbox One. Em compensação, a lucratividade com a Xbox live subiu de 39 milhões um ano atrás para 47 milhões no mesmo período deste ano.

CloudServices_JaminTele-e1347304697787

Voltando um pouco para a questão sobre a linha Surface, a Microsoft parece ter acertado a mão com esses dispositivos, afinal, eles vem dando lucro e mais lucro trimestre após trimestre. O Surface também tem ditado tendências, abrindo ainda mais o leque da categoria de dispositivos híbridos (2 em 1), que ora podem funcionar como um potente Notebook, como também ora podem ser usados como um simples tablet. Por fim, o Surface tem ajudado a difundir a versatilidade do Windows 10.

Por sua vez, os serviços em Nuvem tão amados por Satya Nadella, CEO da Microsoft, tem se tornado um dos setores mais lucrativos da companhia, especialmente com relação ao Azure.

Com tantas coisas boas acontecendo as ações da Microsoft saltaram para valores acima dos US $ 60 pela primeira vez desde dezembro de 1999. A Microsoft vai realizar uma conferência com investidores ainda hoje para revelar ainda mais detalhes sobre esses dados, e se algo mais interessante for revelado atualizaremos esse post.

Fonte: The Verge

Share.

About Author

Funcionário Público Federal, formado em Licenciatura em Química, Especialista em Ensino das Ciências e Matemática, músico, marido, pai, servo do Deus vivo e entusiasta do Windows Phone. Carpe Diem