Notícias

Microsoft segue rumo a dominação do mercado dos Software como Serviço

O SaaS (Software como Serviço) permite aos usuários se conectar e usar aplicativos baseados em nuvem pela Internet. Exemplos comuns são email, calendário e ferramentas do Office (como Microsoft Office 365).

Imagem relacionada

Agora, novos relatório confirmam que a Microsoft segue rumo a dominação desse mercado. Os dados do segundo trimestre do Synergy Research Group mostram que as receitas trimestrais de SaaS estão crescendo 32% a cada ano, e ainda resta um lastro enorme para ser consumido nesse mercado, já que menos de 15% dos gastos com software corporativo vão para aplicativos SaaS. Nos próximos anos, a Synergy espera um forte crescimento em todos os segmentos de SaaS e regiões geográficas.O SaaS fornece uma solução de software completa que você pode comprar em um regime pré-pago de um provedor de serviço de nuvem. Você pode alugar o uso de aplicativo para sua organização e seus usuários se conectarem a ele pela Internet, normalmente por um navegador da Web. Toda a infraestrutura subjacente, middleware, software de aplicativo e dados de aplicativo ficam no datacenter do provedor de serviços. O provedor de serviço gerencia hardware e software e, com o contrato de serviço apropriado, garante a disponibilidade e a segurança do aplicativo e de seus dados. O SaaS permite que sua organização entre em funcionamento rapidamente com um aplicativo por custo inicial mínimo.

Em um email para a ITPro Today, o analista-chefe da Synergy Research Group, John Dinsdale, disse:

“As taxas de crescimento serão fortes em todos os setores; mas relativamente falando as maiores taxas de crescimento serão em colaboração e ERP. O CRM terá um crescimento menor, já que o mercado já está relativamente bem penetrado pelas soluções SaaS. O CRM foi a primeira solução a ser atacada de forma agressiva pelas soluções SaaS, cortesia da Salesforce.”

Com uma participação de mercado de SaaS de 17% e uma taxa de crescimento de 45%, a Microsoft domina o espaço de aplicativos de colaboração SaaS, um segmento muito mais amplo do que o CRM, que é o foco do Salesforce. Curiosamente, a IDC prevê que os aplicativos de gerenciamento de recursos corporativos (ERM) e CRM terão o maior gasto em 2018, seguidos por aplicativos colaborativos. Sendo assim, a disputa segue boa entre a Microsoft e a Salesforce. 

Muito lá trás temos o Google, que ainda tem uma participação bem tímida no mercado de SaaS. O Google está no mercado junto com outros dez fornecedores, que incluem Cisco, IBM e Workday, que têm uma taxa de crescimento anual de 28%.

Dados como o crescimento de mais de 38% de produtos como o Office 365, que é um bom exemplo de Software como serviço, mostram como a Microsoft tem chegado forte nesse mercado.

Se nada mudar, a Microsoft assumirá a liderança desse mercado sem muito esforço.

Fonte: ITProToday

Alexandre Lima
Especialista em Ensino das Ciências e Matemática, Microsoft MVP - Windows Insider, músico, marido, pai, servo do Deus vivo e entusiasta dos produtos e serviços Microsoft. Carpe Diem!