Análises

Microsoft Teams Vs Slack, qual a melhor ferramenta?

Qual ferramenta é melhor? (Foto: Reprodução/Rafael Vieira)
648views

Slack e Microsoft Teams são dois aplicativos dedicados a melhorar a comunicação entre participantes de um mesmo grupo, seja ele de trabalho ou escola. As duas ferramentas são rivais no mercado de trabalho, já que visam públicos semelhantes.

Quando é criado um espaço de trabalho em uma das ferramentas, o administrador pode convidar outras pessoas para participar da equipe, criar canais para separar as conversas em diferentes assuntos e por último pode instalar aplicativos externos para melhorar a experiência ao máximo do aplicativo

Eles podem ser chamados de mensageiro?

Sim, porém não é sua única utilidade, pois há uma grande quantidade de recursos extras, como chamada de vídeo, edição de documentos, possibilidade de integrar com outros apps. Essas funcionalidades tornam esse tipo de ferramenta muito mais útil para uma empresa do que o famoso WhatsApp ou o e-mail.

Diferenciais do Slack

Os principais recursos do Slack são:

  • Possibilidade de acessar às 10 mil últimas mensagens da sua equipe;
  • Integrações com vários aplicativos, como Google Docs e Trello;
  • Chamadas individuais de voz ou vídeo entre membros de um mesmo grupo;
  • 5 GB de armazenamento de arquivo.

Lembrando que essas características são do plano gratuito. Não existe um limite de usuários, portanto a ferramenta pode ser útil tanto para pequenas empresas, quanto para as grandes. Infelizmente, para fazer uma reunião de chamada de vídeo com várias pessoas é necessário a contratação do plano pago.

Além disso, para obter um armazenamento maior e não ter limite no histórico de mensagens é necessário assinar o plano padrão (Plano pago). Nesse plano, você também pode fazer chamadas de vídeo com até 15 pessoas.

Caso você ainda queira fazer chamadas de vídeo com mais de 15 pessoas, será hora de procurar outras ferramentas, já que no Slack, mesmo nos planos mais caros, o limite continua sendo de 15 usuários.

Diferenciais do Microsoft Teams

O Microsoft Teams nasceu em 2016 e somente ganhou uma versão gratuita em 2018. Até então, para utilizá-lo era necessário ser assinante do Office 365. O plano gratuito do Teams consegue ser melhor do que o Slack em alguns pontos.

Uma das maiores vantagens em relação ao seu rival é a possibilidade de criar chamadas de vídeo em grupo com compartilhamento de tela no plano gratuito, sem a necessidade de assinar um plano pago para isso. Além disso, existe uma integração com o Skype e o Office 365, possibilitando a realização de várias tarefas sem sair da ferramenta.

Outras particularidades:

  • Os chats são ilimitados, portanto não há um limite para o histórico de mensagens;
  • 10 GB de armazenamento;
  • Não há limite para aplicativos integrados;
  • Chamada de voz e vídeo em grupo com até 250 pessoas;
  • Limite de 300 usuários, portanto pode ser pouco utilizado por empresas muito grandes.

Os planos pagos retiram todas as limitações da ferramenta, possibilitando a participação ilimitada de usuários em grupos.

Qual a melhor escolha?

A escolha depende da sua necessidade. Caso você precise fazer reuniões por chamadas de vídeo a escolha certa é o Microsoft Teams. No entanto, se esse tipo de reunião não for sua prioridade e você queira adicionar mais de 300 pessoas no grupo, dê preferência ao Slack.

Além disso, leve em conta o histórico de mensagens. Se seu grupo for precisar de todo o histórico, o Teams é a melhor escolha. Porém, o plano pago do Slack torna o histórico de mensagens ilimitado.

Outro ponto que deve ser levado em conta são os planos pagos. O primeiro plano pago do Slack é mais barato que o do Windows Team e isso pode fazer uma diferença a longo prazo.

Leia mais:

Como criar um pendrive de instalação do Windows 10

Facebook lança novo aplicativo do Messenger para PC e Mac

Leave a Response