Aplicativos

Mixer atingiu meta de 10 milhões de usuários ativos mensais

Para quem pensava que o serviço não ia vingar, a Microsoft anunciou hoje que o Mixer atingiu meta de 10 milhões de usuários ativos mensais. Para quem não sabe, o Beam foi comprado pela Microsoft em agosto de 2016, mas, continuou funcionando de forma quase que independente. Provavelmente a renomeação aponta para uma maior interferência da Microsoft. Algum tempo depois da compra a Microsoft mudou o nome do Beam para Mixer.

Mixer, mas, mais do que apenas o nome, trouxe consigo vários novos recursos que a comunidade requisitava. Recursos esses que desbloquearam um novo mundo de possibilidades de streaming social que tem ajudado espectadores a encontrar o conteúdo que procuram em todo o serviço.

Além do anúncio da incrível meta atingida pelo serviço, a Microsoft anunciou que os visualizadores do Mixer poderão, em breve, comprar jogos para o Xbox e o Windows 10 diretamente da transmissão ao vivo que estão assistindo, e as fósseis misturadas da Mixer receberão um corte do lucro. A Microsoft também anunciou que espera expandir o sistema, apelidado de programa Mixer Direct Purchase, para outras vitrines no futuro, talvez incluindo os gostos do Steam.

Outra novidade será uma opção para fazer doações para os Mixer streamers, que são os criadores de conteúdo da plataforma. Ainda será possível usar outros sistemas de terceiros, mas haverá um sistema nativo e oficial.

Não tem como negar que o investimento da Microsoft no Mixer tem dado uma vantagem extra ao serviço frente seus concorrentes, como o Twitch, mas, o Mixer ainda tem um longo caminho para percorrer até atingir a perfeição para seus utilizadores. Inclusive ainda estamos na espera do UWP do Mixer para o Windows 10.

Fonte: Windows Central

Alexandre Lima
Microsoft MVP Windows Insider, músico, marido, pai, servo do Deus vivo e entusiasta dos produtos e serviços Microsoft. Carpe Diem!