Segunda-Feira, 21 de Janeiro de 2019
Home Microsoft Insider

O que essa tal de Windows Sandbox que chegou no insider?

21/12/2018 1227 0
O que essa tal de Windows Sandbox que chegou no insider?

A mais recente build insider do Windows 10, de numeração 18305 (19H1 – Redstone 6), chegou trazendo mais algumas novidades  interessantes para o sistema, porém, uma delas chamou a atenção da comunidade técnica, que é o recurso chamado Windows Sandbox, porém, a geral ficou voando sem entender do que se trata e porque foi dada tamanha importância ao recurso.

Inclusive me parece que essa foi a última grande atualização insider para esta versão do sistema operacional da Microsoft 10 que chega para todos em meados de março/abril do próximo ano. As demais seriam só pequenos ajustes trazidos pelas famosas atualizações cumulativas.

O que é o Windows Sandbox?

Ele é um novo ambiente de área de trabalho (desktop) leve adaptado para a execução segura de aplicativos isoladamente. Ou seja, é uma ferramenta que lhe permitirá executar aplicativos dentro de uma “caixa” isolada dentro do sistema.

Esse recurso garantirá muito mais segurança, pois, se a aplicação executável estiver contaminada com algum malware ou qualquer outro tipo de software não confiável, este não conseguirá infectar o S.O. como um todo. Essa é só uma das aplicabilidade desta novidade. 

Na prática, se você precisa baixar algum software, mas não confia muito nele, basta executa-lo no Windows Sandbox para realização de testes e tudo mais, inclusive para uso normal, já que qualquer software instalado nesse ambiente permanece apenas no sandbox e não pode afetar seu host. Depois que a aplicação é fechada, todo o software com todos os seus arquivos são excluídos permanentemente.

Vamos dar uma olhada em algumas das principais propriedades dessa sandbox:

  • Part of Windows  – tudo o que é necessário para usar recurso é fornecido com o Windows 10 Pro e Enterprise. Não há necessidade de baixar um VHD. Uma pena não estar disponível na versão Home do Windows;
  • Pristine  – toda vez que o Windows Sandbox é executado, ele é tão limpo quanto uma nova instalação do Windows;
  • Disposable – nada persiste no dispositivo; tudo é descartado depois de fechar o aplicativo;
  • Secure  – usa a virtualização baseada em hardware para o isolamento do kernel, que conta com o Microsoft Hypervisor para executar um kernel separado que isola o Windows Sandbox do host;
  • Eficiente  – usa o agendador de kernel integrado, gerenciamento de memória inteligente e a GPU virtual.

Para instalar o Windows Sandbox, vá para Configurações > Aplicativos > Aplicativos e recursos > Programas e Recursos > Ativar ou desativar recursos do Windows e, em seguida, selecione Ativar o Windows Sandbox .

Para inicia-lo abra o menu Iniciar, insira o Windows Sandbox e logo selecione-o.

windows sandbox

Você também pode entender o Windows Sandbox como sendo uma máquina virtual nativa do sistema

A ferramenta respeita as configurações de dados de diagnóstico do host. Todas as outras configurações de privacidade são definidas para seus valores padrão.

Enfim, esperamos que tenha ficado um pouco mais claro o que vem a ser essa grande novidade que está chegando, por enquanto, apenas para participantes do programa Windows Insider (Fast Ring). Até abril do ano que vem ela estará disponível para todos os usuários em modo público que tenham o Windows 10 Pro ou Enterprise.

Outras novidades dessa build

Outra boa novidade dessa nova compilação é simplificação do layout do Menu Iniciar. O novo layout foi simplificado em um design elegante de uma coluna com Live Tiles de nível superior reduzidos. Os clientes comerciais e de educação também verão um layout simplificado adaptado a esses cenários. 

Captura de tela mostrando o layout Start simplificado com um design elegante de coluna única e ladrilhos de nível superior reduzidos.

Além disso, eles melhoraram a experiência para acessar seu histórico de proteção do Windows Defender e ainda anunciaram a chamada proteção contra adulteração, que é uma nova configuração do Windows Defender, disponível no aplicativo Windows Security, que, quando ativada, fornece proteções adicionais contra alterações nos principais recursos de segurança, incluindo a limitação de alterações que não são feitas diretamente pelo aplicativo Windows Security.

Por fim, o sistema de autenticação acabou de ganhar a possibilidade de promover um login seguro por meio do seu número de telefone.

Usando um número de telefone em vez de uma senha para fazer login na sua conta da Microsoft

No demais é só perfumaria de boa qualidade. Clique aqui para ler o changelog completo.

Fonte > Microsoft

Compartilhe:

Comentários: