Quarta-Feira, 24 de Outubro de 2018
Home Dispositivos

Panos Panay confirma que não haverá Surface Phone, mas sim um…

17/07/2018 1103 0
Panos Panay confirma que não haverá Surface Phone, mas sim um…

Depois de ouvirmos rumores e mais rumores sobre o cancelamento do Surface Phone, Panos Panay, chefe da divisão que desenvolve os dispositivos da linha Surface, confirmou que a Microsoft não tem planos para lançar um Surface Phone, ou seja, um Surface que é um smartphone como os que vemos hoje no mercado, como o iPhone, os Galaxy da Samsung e por ai vai. Mas, não se desespere porque Panay só confirmou o que já havíamos falado aqui. Continue lendo e entenda.

Conceito de um Surface Phone, melhor dizendo, do Dispositivo Andrômeda

Em uma entrevista dada ao pessoal da Wired via Podcast, Panay foi diretamente questionado se o Surface Phone estaria nos planos da Microsoft. Ele foi inicialmente bastante evasivo, falando sobre a mudança de fatores de forma que se adaptam aos usuários, e sendo capaz de alternar facilmente da caneta para o teclado, mas acabou respondendo diretamente o seguinte sobre tal pergunta:

Bem, eu não diria que isso inclui um Surface Phone .” Disse Panos Panay ao falar sobre os planos futuros da Microsoft.

E agora? Já era o Surface Phone

O problema está na interpretação dos termos… um Surface Phone não vai existir mesmo, porque? Porque ao falar Surface Phone, estamos falando de um Surface que é um telefone. Phone = Telefone no idioma original do Panay, é claro. Sempre falamos aqui que esse termo era sugestivo apenas, um codinome que adotamos para facilitar o entendimento, da mesma forma que fizeram mundo a fora, porém, Panay acabou de aboli-lo da face da terra. Então, nunca esperamos por um Surface que é um telefone. Isso não existe. O entendimento da Microsoft sobre esse termo é Surface + Telefone e isso não vai rolar.

Ele sendo assim ou assado, não será chamado de smartphone ou telefone

Então, o que devemos esperar?

O engenheiro-chefe da Microsoft deixou claro que a Microsoft tem grandes planos para o futuro da comunicação móvel. Ele falou no podcast que “… um futuro dispositivo da linha Surface será uma máquina de computação com foco em comunicação…”, mas, não do jeito que vemos agora. Ele afirma que os planos incluem melhorar a forma com que as pessoas comunicam entre si, contudo, que um dispositivo inovador da linha Surface não será um celular por si só. Será algo novo e que vai muito além de um smartphone tradicional.

Chegou a hora de desmistificar qualquer rumor em cima desse projeto de um dispositivo ulra-portátil da Microsoft e Projeto Andrômeda, então, aqui vão algumas definições importantes:

  • O Windows 10 ARM64 enquanto plataforma móvel já existe e já está sendo executado em vários dispositivos, como os PCs sempre conectados com chipsets da Qualcomm. Vide como exemplo o HP Envy X2 e o Asus Nova Go. Se alguém vai colocar essa plataforma em algo ainda menor que esses dispositivos, ainda não sabemos, mas observe que esta é uma versão completa do Windows que também tem funcionalidades como de um celular;
  • O Surface Phone enquanto conceito não será lançado. Isso com relação ao conceito de um Surface que é um telefone, e isso não existe. O que existe é um novo dispositivo, por hora chamado de Dispositivo Andrômeda, é algo diferente, que irá inaugurar uma nova categoria de dispositivos de comunicação pessoal e de produtividade;
  • O Andrômeda é o que chamamos de branch do Windows, uma versão do Windows e não um novo sistema operacional pensado para smartphones ou coisa do tipo. Até onde sabemos, o principal destaque dessa versão do Windows é o CShell, que seria o Shell auto-adaptável do Windows 10. O sistema operacional se adaptará a qualquer tamanho e formato de tela (ou várias telas simultaneamente), entre várias outras coisas;
  • O Projeto Andrômeda e o Dispositivo Andrômeda não estão necessariamente atrelados um ao outro. Um pode ser lançado antes do outro e assim por diante. O fato é que coisas estão acontecendo por baixo dos panos e muita coisa ainda será revelada.

Fonte: Reddit

Compartilhe:

Comentários: