Notícias

Panos Panay da Microsoft fala sobre o sonho de produzir um Surface de bolso

Conceito de um Surface de bolso

Panos Panay (imagem abaixo) é o engenheiro chefe por trás dos desejados dispositivos da linha Surface da Microsoft. Também é ele que geralmente sobe ao palco dos eventos da empresa para revelar as novidades dessa linha.

Panos Panay apresentando alguma nova versão do Surface Pro

Panay já liderou a produção do híbrido de laptop + tablet, o Surface Pro, também cuidou do projeto do super poderoso e versátil Surface Book, sem dúvida alguma ajudou no desenvolvimento do lindo Surface Laptop, comemorou o lançamento do inovador Surface Studio e apoiou com todas as suas forças o desenvolvimento do Surface Go, mas parece que ainda existe um vazio no coração desse engenheiro… e qual seria esse sonho?

Segundo informações fornecidas pelo próprio Panay durante uma entrevista exclusiva ao The Verge, o engenheiro gostaria de desenvolver um Surface que coubesse no seu bolso. Não há como negar que ele poderia ser um misto de PC e smartphone, mas há um “porém” aqui.

Conceito de um Surface de bolso

Há algum tempo Panay participou do desenvolvimento de um dispositivo com uma tela de 7 polegadas que passou a ser chamado de Surface Mini. Ele nunca chegou ao mercado, pois seu projeto foi cancelado ainda durante seu processo de desenvolvimento. Mas, Panay não desistiu da ideia de colocar um Surface no seu bolso. Quando questionado sobre isso ele disparou:

“É absolutamente meu bebê.”

Ele ama o projeto, porém, depois disso afirmou:

“Nós só vamos inventar ou criar algo quando o produto estiver certo. Não podemos trazer novas categorias para o mundo se não houver um lugar para eles ou demanda dos clientes.”

Essa necessidade de uma nova categoria é a peça que faltava nessa ideia de um Surface de bolso. Não está claro se há um mercado para esse dispositivo, ou se a Microsoft conseguirá convencer os consumidores a carregar um smartphone e um PC portátil no bolso. A Microsoft precisa de uma abordagem verdadeiramente única, assim como o Surface Pro é mais do que um tablet, o Surface Studio é mais do que um PC All-in-One e os novos Surface Headphones são mais do que apenas fones de ouvido comuns.

“No momento, vejo na minha mente as pessoas usando esses produtos de inúmeras formas, e isso é inspirador”, explica Panay. “Eu acho que o Surface Hub 2 está pronto. Eu acho que qualquer outro fator de forma que você não tenha visto ainda teremos que acertar, temos que ter certeza de continuar inventando para torná-lo perfeito.”

Mais um conceito de Surface Phone

Ele continuou dizendo:

“Eu não estou falando apenas do hardware, estou falando sobre a coisa toda”, explica Panay. “O que isso significa para você, como isso dá às pessoas a oportunidade de fazerem mais e melhor, ou que podem ser ou transformar algo que elas já não fazem. Eu acho que como um pessoa de produto é preciso ser justo quanto a isso.”

Ou seja, Panay sabe dos anseios de muitos por um Surface de bolso (que chamamos de Surface Phone ou Dispositivo Andrômeda), porém, deu para perceber que a Microsoft não acredita que este seja o momento ideal para introduzir tal dispositivo.

Talvez ainda não haja demanda suficiente para um produto desse tipo, ou ainda o produto em si, seja o hardware ou o software, não está pronto, nem bom o suficiente para ganhar vida nas prateleiras das lojas de eletrônicos. Ao menos sabemos que a pessoa responsável pela linha pensa nele, melhor dizendo, sonha com ele.

Fonte: The Verge

Alexandre Lima
Microsoft MVP Windows Insider, músico, marido, pai, servo do Deus vivo e entusiasta dos produtos e serviços Microsoft. Carpe Diem!