Panos Panay quer unificar o design dos hardwares da Microsoft e fala sobre o Surface Phone

0

Mas, peraew… quem é Panos Panay? Quem assistiu todo o evento da Microsoft do dia 6 viu que Panay foi um dos principais protagonistas do evento e roubou a cena para si em alguns momentos. Foi ele quem falou dos novos Lumias 950 e 950 XL, do Lumia 550, do Surface Pro 4 e do inovador Surface Book.

Dentro da Microsoft, onde ingressou desde 2004, Panay é o vice-presidente corporativo do departamento que cuida do Surface. Ele e sua equipe foi quem desenvolveram do zero o projeto do consagrado tablet da Microsoft, assim como foram eles querem criaram o inovador Surface Book. Agora Panay é responsável por todos os dispositivos da Microsoft, e isso inclui não apenas o Surface, como também os Lumias e o Xbox.

Panos Panay e o Surface Book durante o evento do dia 6 de outubro

Panos Panay e o Surface Book durante o evento do dia 6 de outubro

Em entrevista exclusiva ao The Verge ele afirmou que deseja criar um projeto consistente para todos os dispositivos da Microsoft. Como ele falou em “projeto”, nisso está incluso também o design, acabamento e funcionalidades.

Alguns podem perguntar por que os novos Lumias ainda tem a mesma cara de seus antecessores da era Nokia, e a resposta pode ser mais simples do que você imagina… Panos Panay assumiu essa nova diretriz recentemente, e o projeto dos Lumias 950 e 950 XL é bem mais antigo que isso. Esses Lumias já foram projetados há meses e estavam esperando apenas o Windows 10 Mobile ficar pronto (está mais perto do que longe isso agora).

Panos Panay e o Lumias 950 e 950 XL durante o evento do dia 6 de outubro

Panos Panay e o Lumias 950 e 950 XL durante o evento do dia 6 de outubro

O The Verge aproveitou o ensejo e perguntou a ele sobre o rumor envolvendo um possível Surface Phone. Pany, como já era de se esperar, enrolou, enrolou, enrolou, e não confirmou nem negou a possibilidade. Limitou-se apenas a dizer que:

Com o tempo você quer que seus produtos tenham uma certa consistência, especialmente o hardware”, explica ele. Ainda sobre consistência de projeto, Panay disse que: “…para se chegar a esse patamar, não necessariamente é necessário alinhar as marcas (Lumias, Surface, Xbox, etc)”. No final ele acrescentou dizendo que não seria difícil ver um telefone claramente inspirado no Surface, mesmo ainda sendo chamado de Lumia. Para quem não entendeu, em poucas palavras ele quis dizer que no futuro podemos ter um Lumia com a cara e acabamento do Surface.

A oportunidade para isso pode estar no próximo smartphone top de linha Microsoft que deve chegar no ano que vem, e que virá equipado com um processador Intel. Essa parceria entre a Microsoft e a Intel, somado ao talento da equipe de Panos Panay, com o Modo Continuum do Windows 10 Mobile, pode resultar literalmente num PC de bolso ainda mais eficiente. Quem sabe até mesmo capaz de rodar programas para desktops.

Fontes: The Verge

Share.

About Author

Especialista em Ensino das Ciências e Matemática, Microsoft MVP – Windows Insider, músico, marido, pai, servo do Deus vivo e entusiasta dos produtos e serviços Microsoft. Carpe Diem!