De acordo com um relatório da empresa de consultoria IDC, pela primeira vez na história do mercado brasileiro de telefonia móvel, o número de smartphones vendidos superou a dos celulares tradicionais. A pesquisa foi feita entre os meses de maio e abril deste ano, e dentre os 5,3 milhões de aparelhos vendidos, 53% deles foram smartphones.

Segundo Bruno Freitas, analista da IDC, essa virada no jogo é devido a chegada de smartphones com preços entre 500 a 600 reais como os Motorola Razr D1 e o Nokia Lumia 520. Mas, os top de linha que custam entre 1800 a 2500 reais, como o Nokia Lumia 920, Samsung Galaxy S4 e o iPhone 5, também contribuíram para esse índice ter crescido tanto.

smartphones vendem mais de celular tradicionais img2

Ainda segundo o analista, a isenção fiscal dada pelo governo via Lei do Bem, também contribui para isso, tendo em vista que muitas empresas, inclusive a Nokia, baixou o preço de muitos aparelhos para encaixá-los nas regras de Lei. Smartphones que custavam um pouco mais de R$ 1500 tiveram seu preço reduzido para menos que isso para ter direito ao incentivo, como foi o caso do Nokia Lumia 820.

O IDC considera como smartphone apenas aparelhos que possuam um sistema operacional que permita o desenvolvimento de aplicativos e que também tenha acesso a internet, logo, esses números não incluem aparelhos da linha Asha da Nokia, por exemplo, entre outros que mesmo tendo acesso a internet possuem sistemas operacionais fechados.

O Brasil está seguindo uma tendência mundial e o esperado é que esse número continue crescendo ano a ano, e o Windows Phone também está contribuindo para isso.

Fontes: Olha Digital