Segunda-Feira, 17 de Dezembro de 2018
Home Notícias

Phil Spencer do Xbox prometeu dar um jeito na Microsoft Store, mas…

12/11/2018 4953 0
Phil Spencer do Xbox prometeu dar um jeito na Microsoft Store, mas…

Durante o XO18 Phil Spencer, que é o chefe do Xbox dentro da Microsoft, prometeu corrigir alguns problemas relacionados a loja de aplicativos e jogos para o Windows e Xbox, a Microsoft Store. Mas, espere um pouco, pois mesmo sabendo que isso é uma coisa boa, ainda há muito o que analisar nessa fala do Spencer.

A fala foi dita durante um momento do evento em que a apresentadora Julia Hardy perguntou a Phil Spencer o que ele via como o futuro dos jogos. Ao invés de responder diretamente a jornalista com coisas do tipo: “… os jogos VR são o futuro…” ou “Jogos sob demanda podem dominar o mercado…” Spencer parecia mais preocupado em informar que vai trabalhar para melhorar a experiência do usuário na Microsoft Store.

Segundo ele, hoje, usuários do Windows 10 enfrentam muitos entraves na loja. Ele completou dizendo que é as vezes é difícil navegar na loja, é difícil encontrar novos jogos ou mesmo atualiza-los. Spencer acredita que muitos usuários se frustram tanto com a loja do Windows que terminam por não utilizá-la.

Claro que Spencer falava especificamente sobre jogos dentro da loja, porém, podemos inferir que também existem problemas com aplicativos, ou seja, é necessário sim que a Microsoft volte sua atenção para a loja o quanto antes. Só esse olhar especial de Spencer para a Microsoft Store não será o suficiente, mesmo sabendo que é algo a se comemorar.

Por fim, o Head do Xbox ainda fechou sua resposta ao enfatizar que ele e sua equipe estão comprometidos com o poderoso hardware do Xbox One X, e que desejam levar a Microsoft e seu console até a liderança do mercado que hoje está nas mãos da Sony com seu Playstation.

Disso tudo entendemos que o esforço de Spencer sobre a loja tem relação direta com a experiência com jogos, mas isso pode ajudar a despertar um maior interesse de outras equipes a cerca desse assunto. Além disso, o executivo deixou claro que a empresa sabe que neste momento ainda é imprescindível o investimento no mercado tradicional de jogos, que é o console físico e a distribuição de jogos via loja.

Fonte: Windows Central

Compartilhe:

Comentários: