Playable Ads: nova ferramenta da Microsoft para rodar Apps sem precisar instalar nada

0

A Microsoft anunciou uma novíssima ferramenta chamada de Playable Ads (ou anúncios reproduzíveis). Com ele será possível usufruir dos benefícios de centenas de Apps contidos na Windows Store, sem precisar instalar qualquer um deles.

A ideia é fazer com que os aplicativos rodem em seu dispositivo via streaming, isto é, na Nuvem (internet). É algo muito semelhante ao que foi apresentado pela Google para o Android em 2015. Não ficou claro? Então vamos tentar entender como funcionam as campanhas de publicidade atuais que só assim tudo ficará ainda mais claro.

Cada vez que um usuário clica no anúncio de instalar um App, ele é levado para uma página na Windows Store, deixando o App atual que você está utilizando e te oferecendo à possibilidade de instalar ou não o respectivo aplicativo. As informações contidas na página de descrição do produto nem sempre são completas e a experiência de uso real do App pode ser muito diferente do que vimos nos screenshots do mesmo. Isso, às vezes, leva a uma desinstalação rápida, caso a promessa das páginas de descrição de produto não for atendida.

Playable Ads é uma maneira completamente nova para os usuários finais interagirem com anúncios e Apps. Com esse recurso, os usuários finais, nunca abandonarão o aplicativo atual. O clique no anúncio resultará em um streaming do App, que terá duração máxima de três minutos, tempo pelo qual o usuário poderá interagir com o aplicativo como se ele já estivesse instalado no seu dispositivo. Isso dá tempo ao usuário para decidir se ele quer instalar o App ou não. No final deste “demo” via streaming, os usuários poderão clicar em um link para instalar o app, caso tenham gostado da experiência, é claro.

Vamos a um exemplo prático: digamos que um usuário precisa pedir uma pizza, então, ao buscar por isso no Bing, o sistema retornará a opção de fazer o pedido pelo iFood, por exemplo. A integração será tamanha que será possível completar o pedido pelo App rodando em Streaming sem a necessidade de instala-lo. Então, veja que estamos falando de um anúncio que pode ser acionável, pode ser reproduzido sem a necessidade de instalação local.

Pensou que isso funcionará apenas para App comuns? O Playable Ads também vai suportar jogos, o que significa que será possível experimentar o game antes de baixa-lo.

Claro que depois de usar o App via streaming um link para download da aplicação deverá ser exibido, levando o usuário a criar uma lista de aplicativos mais conveniente, composta apenas de aplicações que lhe interessam, o que lhe poupará alguns MB ou até GB de espaço em seu aparelho.

Aqui algumas vantagens dos Playable Ads listadas pela própria Microsoft:

  • Os usuários podem experimentar o app em tempo real antes de instalá-lo
  • Os usuários não deixarão o contexto atual do aplicativo após o clique no anúncio, uma vez que estes são anúncios expansíveis e integrados
  • Os usuários podem abandonar o fluxo do aplicativos em qualquer ponto do tempo com base na qualidade do jogo. Ele/ela não é bloqueado até o final do game play.
  • Os desenvolvedores podem criar uma experiência envolvente durante os primeiros minutos de um jogo para explicar melhor suas capacidades em comparação com os tradicionais screenshots.
  • Os usuários que instalam o jogo após três minutos de engajamento estão mais inclinados a usar o jogo/aplicativo do que aqueles que acabaram de instalar o aplicativo com base na página de descrição do produto.

Enfim, estamos falando de algo que sem dúvida aumentará o engajamento dos usuários com aplicações e jogos diversos, aumentando as chances de sucesso de qualquer App/Jogo, o que fomentará a chegada de novos DEV no ecossistema de desenvolvimento da Microsoft.

Desenvolvedores que ficaram interessados na novidade já podem começar a estuda-la clicando aqui.

Fonte: Microsoft

Share.

About Author

Funcionário Público Federal, formado em Licenciatura em Química, Especialista em Ensino das Ciências e Matemática, músico, marido, pai, servo do Deus vivo e entusiasta do Windows Phone. Carpe Diem