Por que a Microsoft renomeu o Xbox Music para Groove? E o Xbox Vídeo?

3

Ontem muita gente ficou surpreso ao descobrir que a Microsoft trocou o nome do seu serviço de streaming de músicas de Xbox Music para Groove. A repercussão foi grande e muita gente não gostou nem um pouco da mudança, tendo como argumento que o novo nome não tem relação alguma com outros serviços da empresa, mas saiba que isso foi proposital…

Groove Microsoft Music

Esse seria o principal motivo da mudança, pois, o nome Xbox Music causava confusão entre os usuários e assinantes, haja vista que muitos confundiam o serviço como o próprio console, e achavam que era algo exclusivo para os donos de um. Quem deu esse esclarecimento foi o Joe Belfiore, velho conhecido nosso. Segundo eles o nome “Groove” descreve o que as pessoas sentem e o que fazem com a música.

A mudança não afetará apenas o serviço de streaming, como também o nome do aplicativo oficial de músicas em dispositivos com Windows 10. As mudanças não serão drásticas, já que o Groove nada mais é do que o Xbox Music com outro nome, então, ele também contará com um serviço de assinaturas que varia de U$ 9,99 por mês ou U$ 99 por ano. A novidade mesmo será a inclusão de rádios onlines no Groove.

Além do Xbox Music, a Microsoft também mudará o nome do Xbox Vídeo, que já vem sendo chamado na versão Preview do Windows 10 de Filmes e Programas de TV, e será por ele que o usuário terá acesso ao acervo de filmes e seriados, como sempre foi com o Xbox Vídeo.

Inicialmente a mudanças de nomes afetará usuários do Windows 10, e não se sabe quando esse rebrand chegará ao aplicativo do Xbox Music para iOS e Android. Os insider deverão ter acesso as novidades na próxima build que for liberada nos próximos dias. Você confere o novo site do Groove aqui.

Fontes: The Verge

Share.

About Author

Especialista em Ensino das Ciências e Matemática, Microsoft MVP – Windows Insider, músico, marido, pai, servo do Deus vivo e entusiasta dos produtos e serviços Microsoft. Carpe Diem!