Sexta-Feira, 22 de Marco de 2019
Home Notícias

Próxima versão do Windows 10 vai reservar 7 GB do HD só para atualizações

09/01/2019 2347 0
Próxima versão do Windows 10 vai reservar 7 GB do HD só para atualizações

A próxima versão do Windows 10 vai reservar 7 GB do HD só para atualizações. Estamos falando da build 1903, ou ainda conhecida como Redstone 6 e que deve chegar nos próximos meses em modo público.

A começar por esta compilação, a Microsoft confirmou por meio de uma postagem em um dos seus blogs que o sistema operacional para desktops reservará espaço em disco para atualizações do sistema operacional, aplicativos, arquivos temporários e caches. Na maior parte, trata-se de uma nova forma de ajudar os usuários a instalar atualizações do sistema sem precisar liberar espaço em seus computadores. Ou seja, a ideia é acabar com aquela necessidade de apagar arquivos para permitir a instalação de update do Windows, pois, dessa maneira, sempre haverá um espaço livre para tal e o usuário poderá usar a opção de instalar atualizações de forma automática.

A novidade será chamada de Reserved storage ou Armazenamento reservado

“O armazenamento reservado será introduzido automaticamente em dispositivos que vêm com a versão 1903 pré-instalada ou aqueles em que a 1903 tiver sido instalada por meio de uma atualização limpa do Windows”, escreveu Jesse Rajwan, gerente de programa da Microsoft. Quando o armazenamento reservado está habilitado, ele deve levar cerca de 7 GB de espaço em disco, embora a Microsoft tenha observado que a quantidade de armazenamento irá variar com o tempo, dependendo dos recursos opcionais e dos idiomas instalados que os usuários escolherem.

Funcionará da seguinte forma:

Toda atualização requer temporariamente algum espaço livre em disco para ser baixada e instalada. Nos dispositivos com armazenamento reservado, a atualização usará primeiro o espaço reservado. Quando chegar a hora de uma atualização, os arquivos temporários desnecessários do sistema operacional no armazenamento reservado serão excluídos e a atualização usará a área de reserva completa. Isso permitirá que a maioria dos PCs baixe e instale uma atualização sem ter que liberar mais algum espaço em disco, mesmo quando você tiver pouco espaço livre em disco.

Se, por alguma razão, a atualização do Windows precisar de mais espaço do que a reservada, ela usará automaticamente outro espaço livre disponível. Se isso não for suficiente, o Windows guiará você pelas etapas para estender temporariamente seu disco rígido com armazenamento externo, como com um dispositivo USB, ou como liberar espaço em disco.

Se você é um insider já é possível ativar a novidade

Se você quiser ativar o armazenamento reservado no seu PC, você precisará estar executando a build insider 18298 do Windows 10 ou superior. Por enquanto, o recurso está oculto, mas você pode ativá-lo por meio do Editor do Registro do Windows e ele será ativado depois que você atualizar seu PC para a próxima build disponível. Você pode obter mais detalhes sobre como ativar o armazenamento reservado seguindo essa missão no Hub de Feedback do Windows 10.

A novidade será muito bem vinda para a maioria dos usuários, porém, aqueles que possuem máquinas com apenas 64 GB de armazenamento ou menos não vão gostar muito, afinal de contas, o sistema operacional em si já exige ao menos 16 GB da memória principal, agora, com mais 7 GB, será preciso 23 GB do disco só para o Windows 10 poder trabalhar em sua totalidade.

“Nos últimos lançamentos, reduzimos o tamanho do Windows para a maioria dos clientes”, explicou Rajwan. “Podemos ajustar o tamanho do armazenamento reservado no futuro com base em dados de diagnóstico ou feedback”, acrescentou ele.

Ou seja, nem sempre o Windows 10 ocupará 16 GB do seu HD e o Armazenamento reservado pode, quem sabe, requerer menos espaço no futuro. Então, não criemos pânico.

Fonte > Microsoft

Compartilhe:

Comentários: