Q#: conheça a nova linguagem de programação da Microsoft para computadores quânticos

0

A Q# (pronuncia-se Q Sharp) é a mais nova linguagem de programação do mercado, só que… seu foco são os ainda pouquíssimo explorados computadores quânticos, mas, sua criadora, a Microsoft, tem grandes planos para esses dispositivos e essa linguagem de programação.

Eles lançaram ontem (12) uma versão Preview e gratuita do Quantum Development Kit, que inclui a linguagem de programação Q#, um simulador de computação quântica e outros recursos para pessoas que desejam começar a escrever aplicativos para um computador quântico. A linguagem de programação Q# foi construída desde sua concepção especificamente para a computação quântica.

O Kit de Desenvolvimento Quântico, que a Microsoft anunciou pela primeira vez em sua conferência Ignite em setembro, foi projetado para desenvolvedores ansiosos por aprender a programar em computadores quânticos sejam ou não especialistas no campo da física quântica.

Este kit está profundamente integrado no Visual Studio, conjunto de ferramentas da Microsoft voltadas para desenvolvedores, de modo que seus aspectos serão familiares para pessoas que já estão desenvolvendo aplicativos em outras linguagens de programação. Ele foi projetado para trabalhar com um simulador quântico local, também foi lançado como parte do kit, que pode simular cerca de 30 qubits lógicos de potência de computação quântica usando um laptop comum. Isso permitirá aos desenvolvedores depurar o código quântico e testar os programas em pequenas instâncias diretamente em seus próprios computadores.

Junto com o kit, a Microsoft também está disponibilizando um conjunto abrangente de documentos, bibliotecas e programas que servirão de exemplo. Isso dará às pessoas o plano de fundo que eles precisam para começar a brincar com aspectos da computação únicos para os sistemas quânticos, como a teletransão quântica .

“A esperança é que você brinque com algo como teletransporte e você se intrigue”, disse Krysta Svore, principal pesquisadora da Microsoft da área, que liderou o desenvolvimento do software quântico e simulador. “A beleza disso é que este código não precisará mudar quando o inserimos no hardware quântico”, Completou Svore.

Svore e equipe…

O kit permitirá que as pessoas criem aplicativos que possam funcionar agora no simulador quântico, e esses mesmos aplicativos também funcionarão em um computador quântico topológico, que a Microsoft está no processo de desenvolvimento para computação quântica de propósito geral.

Mas, quais as aplicações para um computador quântico?

Especialistas acreditam que os computadores quânticos podem permitir que os cientistas abordem alguns dos desafios mais difíceis do mundo, como a fome mundial ou os perigosos efeitos das mudanças climáticas. Isso é, em parte, porque os computadores quânticos serão capazes de fazer cálculos em horas ou mesmo em minutos que levariam a vida do universo para até mesmo os computadores clássicos mais avançados em uso hoje.

Os computadores quânticos também devem ajudar a estimular avanços importantes em campos como a inteligência artificial. Por exemplo, muitos dos avanços atuais em AI baseiam-se, em parte, no aprendizado da máquina (machine learn), em que um sistema é fornecido com um conjunto de dados e aprende coisas novas a partir desses dados, como por exemplo, a reconhecer coisas, palavras, sons ou objetos.

Imagem relacionada

Com um simulador de computação quântica, Svore disse que cientistas da computação já estão vendo como poderiam criar algoritmos quânticos para esse tipo de pesquisa em IA. Nos testes iniciais no simulador, eles estão vendo como esses algoritmos quânticos poderiam encontrar mais rapidamente padrões mais avançados em dados, o que poderia estimular avanços importantes em campos como fala, visão ou reconhecimento de linguagem.

O Kit de Desenvolvimento Quântico faz parte do plano da Microsoft para construir um sistema robusto de computação quântica, que inclui tudo, desde o hardware da computação quântica até a pilha de software completa. Os pesquisadores da empresa também estão trabalhando em projetos focados em criptografia e segurança em um mundo de computação quântica.

A abordagem da Microsoft está centrada no desenvolvimento de um qubit topológico, um tipo de qubit mais robusto que os especialistas da Microsoft acreditam que proporcionará uma base melhor para a computação quântica prática e escalável.

Fonte: Windows Blogs

Share.

About Author

Especialista em Ensino das Ciências e Matemática, Microsoft MVP - Windows Insider, músico, marido, pai, servo do Deus vivo e entusiasta dos produtos e serviços Microsoft. Carpe Diem!