Já que as baterias atuais ainda não têm uma duração muito prolongada, é necessário que ao menos o carregamento seja rápido. A Qualcomm anunciou dia 27 a tecnologia Quick Charge 5, cuja promessa é carregar a bateria de zero a 50% em impressionantes 5 minutos.

Intel Thunderbolt 4: Saiba o que esperar da geração dessa tecnologia

É de se surpreender a evolução da quarta geração para a quinta. O Quick Charge 4, desenvolvido em 2017, consegue carregar 50% de uma bateria de 2.750 mAh em 15 minutos.

Já a quinta geração da tecnologia consegue os mesmos 50%, porém em uma bateria de 4.500 mAh e em apenas 5 minutos. Para que atinja os 100%, o tempo se estende até cerca de 15 minutos.

Quick Charge 5

A Qualcomm revela que o Quick Charge 5 chega a ser até 70% mais poderoso do que a geração anterior. A empresa também sinaliza que esta é “a primeira plataforma de carregamento rápido viável comercialmente a suportar mais de 100 W de potência em um smartphone”.

Quick Charge 5 recarrega 50% da bateria em apenas 5 minutos
Quick Charge 5 recarrega 50% da bateria em apenas 5 minutos – Foto: Reprodução/Tecnoblog

Há também a garantia de que a segurança não seja negligenciada. Por exemplo, a nova tecnologia tem mecanismos de proteção individuais para temperatura, tensão e corrente. É assegurado que o Quick Charge 5 consiga permitir que o celular fique até 10 °C mais frio durante a recarga em comparação com a geração anterior.

O suporte às tecnologias Smart Identification of Adapter Capabilities e Battery Saver, que potencializam a passagem de energia, ampliam a segurança e prologam a vida útil da bateria, são outros detalhes importantes.
A quinta geração manteve o funcionamento através de cabos do tipo USB-C e é totalmente compatível com o USB Power Delivery, estabelecido pelo USB-IF, empresa que define os padrões USB, como especificação de recarga.

Quick Charge 5 recarrega 50% da bateria em apenas 5 minutos
Quick Charge 5 recarrega 50% da bateria em apenas 5 minutos – Foto: Reprodução/Tecnoblog

O Qualcomm SMB1396 e o novo Qualcomm SMB1398, dois circuitos integrados para gerenciamento de energia, são compatíveis com o Quick Charge 5. Os dois suportam recargas com ou sem fio, com efetividade maior que 98% e operam em tensões superiores a 20 V.

De acordo com a gigante empresa de tecnologia, empresas fabricantes de aparelhos móveis já estão aplicando testes da tecnologia. Tudo indica que os primeiros smartphones baseados no Quick Charge 5 serão anunciados nos próximos dois meses. Os processadores Snapdragon 865 e Snapdragon 865 Plus serão os processadores compatíveis com a tecnologia, sendo assim, apenas modelos de celulares topo de linha deverão recebê-la.

Gostou?

O que você achou do Quick Charge 5? Deixe seu comentário. Além disso, não se esqueça de entrar no nosso grupo do Telegram. É só clicar no botão “Canal do Telegram” no topo direito da página.