Redstone 3: tudo o que sabemos até agora sobre a nova versão do Windows 10

0

Assim como demos uma boa listada em tudo o que já sabemos sobre o novo Windows 10 Cloud, hoje, vamos dar uma olhada em tudo o que já sabemos sobre a Redstone 3, que será a próxima grande atualização para o Windows 10.

My People

O MyPeople é uma nova funcionalidade incrível que deixará você ainda mais conectado a seus amigos e familiares que também usam o Windows 10. Ela será nativa do sistema e funcionará como um centro de convergência entre seus aplicativos de comunicação social.

Além de conectar você a seus contatos, o MyPeople trará ainda mais facilidade na hora de compartilhar conteúdo, já que ele será integrado a Central de Compartilhamento do Windows.

Uma das principais novidades no uso do MyPeople consiste em você fixar seus principais contatos na Barra de Tarefas do Windows. Por ali mesmo é possível responder/enviar um e-mail, uma mensagem SMS ou do Skype, pode-se compartilhar uma imagem, um vídeo, e muito mais. O MyPeople deixará seu Windows ainda mais pessoal.

Pensávamos que a novidade viria junto com a Creators Update, porém, pelo visto ficou para a Redstone 3.

Projeto NEON

Projeto_Neon_Groove_Music

Aqui estamos falando de modificações na interface do usuário. Na verdade vai mais além do que mudanças na UI, pois, NEON seria uma mudança na linguagem de design do Windows 10 e não apenas um refinamento qualquer. Fontes do Windows Central afirmam que a o Projeto NEON é tão vasto que suas modificações só serão concluídas na Redstone 4, em 2018. Temos visto traços do NEON em aplicativos como o Groove Music, no entanto, muito mais esta por vir.

Windows 10 ARM

Talvez esta seja a novidade mais misteriosa que a Redstone 3 trará para o sistema, mesmo tem em mente que a Microsoft já confirmou qual o seu principal propósito dele, que é trazer a luz a possibilidade de rodar o Windows 10 completo em dispositivos dotados de processadores com arquitetura ARM. Ela falou sobre isso no anúncio do Qualcomm Snapdragon 835. 

Com o Windows 10 ARM, espera-se que usuários de pequenos tablets, laptops e smartphones consigam rodar aplicações win32 completas, mesmo que por meio de emulação. Resta a dúvida se a instalação de aplicações desse tipo será permitida fora da loja ou se será algo semelhante ao que acontece com o Windows 10 Cloud, que tem uma restrição quanto a isso. Também fica a pergunta no ar se seria esse o futuro que a Microsoft sonhou para o mercado de smarphones quando ela introduziu o Modo Continuum via Lumia 950 em 2015.

Espaços reversados no OneDrive (Placeholders)

Os chamados espaços reservados ou OneDrive Placeholders, são uma funcionalidade há muito pedida pelos usuários do programa Windows Insider. Ela já existiu no serviço, mas foi descontinuada tempos atrás. Pois bem, a Microsoft deve trazê-la de volta na Redstone 3.

Os espaços reservados no OneDrive consiste em arquivos e pastas marcados com essa opção que ficam armazenados na nuvem, mas ainda podem ser vistos e gerenciados normalmente através do Windows Explorer. Caso seja necessário abrir ou editar um desses arquivos, o download é então iniciado, garantindo acesso normal ao documento.

Novos dispositivos com Cortana

Os chamados “Cortana Speaker Devices” devem começar a ser explorados na Redstone 3. Traços da funcionalidade já começaram a aparece e ainda este ano devemos ver concorrentes do Amazon Echo com Alexa, só que com Cortana.

CShell (talvez)

O “Composable Shell” ou “CSHELL”, nada mais é do que um Shell do Windows auto adaptável. O Shell do Windows em termos populares é a parte do sistema responsável pela interface homem máquina, que são todos os ícones do sistema, barra de tarefas e tudo mais que corresponde a interação entre você e seu computador, tablet, celular, xbox, etc.

Atualmente cada tela do Windows 10 possui seu próprio Shell, então, o Xbox One com Windows 10 tem um Shell, o Windows 10 Mobile tem outro, e o Windows 10 Desktop tem o seu próprio. Agora eles irão unificar todos eles, sobrando apenas “O Shell do Windows unificado”, e ele poderá se adaptar aos mais diversos tamanhos de tela e dispositivos.

Pensava-se que o CShell seria implementado agora na Redstone 3, inclusive promovendo uma enorme convergência entre o Windows 10 Mobile e o Desktop, porém, as informações sobre isso ainda são muito desencontradas e não podemos confirmar que será a Redstone 3 a responsável por tamanha façanha.

Tabbed Shell (Talvez)

Tabbed Shell é um novo recurso que a Microsoft está trabalhando internamente. Seu propósito é trazer guias para todas as aplicações do Windows, incluindo o File Explorer.

Tecnologia de economia de bateria

Chamado por enquanto de Power Throttling, o novo recurso do Windows 10 voltado para economia de bateria poderá, de forma automática, reduzir a potência da máquina visando economizar energia. Um maior controle dos processos em segundo plano também pode estar incluso no pacote da novidade. Fontes confiáveis afirmam que o recurso já está em fase de testes internos em máquinas equipadas com a sexta geração de processadores da Intel, além dos processadores da series Skylake/Kaby Lake

Fonte: Windows Central e ZDNET

Share.

About Author

Especialista em Ensino das Ciências e Matemática, Microsoft MVP – Windows Insider, músico, marido, pai, servo do Deus vivo e entusiasta dos produtos e serviços Microsoft. Carpe Diem!