[Rumor] Microsoft pode comprar Cyanogen por US$ 4 bilhões

0
OnePlus com Cyanogen OS

OnePlus com Cyanogen OS

Antes de começarmos a falar do rumor, vale relembrar quem é a Cyanogen. Ela é a empresa que criou o CyanogenMod, uma das ROMs mais famosas e bem feitas já criadas para o Android da Google. O problema é que as coisas não andam muito bem pelos corredores da Cyanogen. Não tem muito tempo que foi preciso demitir 20% do seu quadro de funcionários e muito dizem que o motivo foi a falta de sucesso das versões mais recentes do seu sistema, que inclusive equipa o One Plus, um dos mais cobiçados smartphones com Android do mundo.

Também é bom lembrar que a própria Microsoft já investiu dinheiro na Cyanogen, e como resultado dessa parceria o sistema trocou os clássicos APPs pré-instalados do Google pelo clássicos APPs da Microsoft, como o OneDrive, Outlook, Cortana, etc.

Cyanogen OS tem muitos APPs da Microsoft pré-instalados

Cyanogen OS tem muitos APPs da Microsoft pré-instalados

A história mais recente sobre a Cyanogen tem relação com sua mudança de foco, pois, segundo informações, eles passaram a dar mais ênfase no desenvolvimento de aplicativos, e não mais no sistema operacional. Ainda há várias contradições sobre esse assunto.

Outro dia também falamos que a Cyanogen poderia ser o cavalo de Troia da Microsoft para “destruir” o Android de dentro pra fora, mas, até hoje tudo isso não passou de um rumor, o porém, o fato é que um novo rumor aponta para um fato ainda mais incrível… a Microsoft pode comprar a Cyanogen por mais US$ 4 bilhões.

[Atualização] A compra pode ser apenas do Cyanogen OS e não a empresa toda, mas isso já pode ser anexado ao rumor.

Os motivos poderiam ser vários, que vão desde o investimento em softwares open source, a uma segunda solução para investir no mercado mobile para caso o Windows 10 Mobile não atinja o sucesso esperado, e eles queiram lucrar realmente nesse segmento. Vamos aguardar…

Share.

About Author

Especialista em Ensino das Ciências e Matemática, Microsoft MVP - Windows Insider, músico, marido, pai, servo do Deus vivo e entusiasta dos produtos e serviços Microsoft. Carpe Diem!