Saiba qual foi o real motivo da Microsoft ter comprado a empresa desenvolvedora do jogo Minecraft e muito mais

54

minecraft microsoft windows phone

O vice-presidente Corporativo da Microsoft, Jeff Teper, explicou o real motivo da empresa ter gastado 2.5 bilhões de dólares para comprar a Mojang, desenvolvedora do popular jogo Minecraft. Em uma Conferência UBS Global Technology, em Sausalito, Califórnia, Teper disse uma frase que resumiu tudo… Minecraft é uma ferramenta de desenvolvimento.

As pessoas constroem mundos fora dele. Se conseguirmos que meninas e meninos de oito anos de idade construam mundos e fiquem inspirados pela criação de conteúdo digital, à medida que crescerem eles vão querer criar no PowerPoint, ou Visual Studio. E, além disso de ser uma das poucas franquias de jogos que não tem que ser freemium, Minecraft pode realmente cobrar dinheiro…“, disse Teper a respeito do assunto.

A Microsoft não dá ponto sem nó, e pelo visto essa aquisição foi mais uma estratégia da gigante de Redmond para alavancar ainda mais sua comunidade de desenvolvimento. Pelo comentário de Teper o recrutamento de novos desenvolvedores está começando mais cedo agora.

Teper ainda fez mais alguns comentários sobre as novas estratégias da empresa, tais como o foco em três grandes pilares: Windows, Office e Azure.  Tudo isso seria ideia da cabeça do novo CEO da Cia, Satya Nadella.

Áreas como o Xbox e Windows Phone possivelmente estão contidas dentro do pilar “Windows”, enquanto ferramentas como o OneDrive, Outlook e outros serviços em Nuvem fazem parte de todos os pilares ao mesmo tempo. Mas, uma das partes mais interessantes dos comentários de Teper foi o que ele disse acerca do mercado mobile. Confira a seguir.

Eu acho que em primeiro lugar temos que redefinir a mobilidade, e estou falando da mobilidade do usuário em todos os seus dispositivos e não apenas, necessariamente, na nossa plataforma mobile. Até porque nós temos uma plataforma mobile e estamos investindo nela (Windows Phone). Mas, acho que se alguém tem um PC com Windows e um iPhone e ama o novo software, quando ele for comprar o seu próximo PC, Tablet ou Telefone, vai dizer: a nova versão do Office é incrível, eu adoro isso, ou a nova versão do Skype é demais, uau, eles fizeram algumas coisas únicas no Surface e no Lumia, deixe-me pensar um pouco sobre isso.

Teper apenas mostrou que a estratégia da Microsoft é proliferar seus serviços em todos os seguimentos para convencer as pessoas a mudarem para seus produtos e hardwares digamos… “de dentro para fora”. Eles não esperam que as pessoas simplesmente saiam de casa para comprar um Lumia ou um Surface, mas sim, que sejam convencidos que eles PRECISAM comprar um Lumia ou um Surface para integra-los com seu Xbox ou Windows, e vice-e-versa. Dessa forma eles esperam que as pessoas optem por usar todo o ecossistema Microsoft. É algo parecido com o que a Apple faz hoje com seus seguidores.

microsoft-products-xbox-tablet-in-grass

Fontes: zdnet

Share.

About Author

Especialista em Ensino das Ciências e Matemática, Microsoft MVP - Windows Insider, músico, marido, pai, servo do Deus vivo e entusiasta dos produtos e serviços Microsoft. Carpe Diem!